Quinta-Feira, 10 de Outubro de 2019, 15h:15

Tamanho do texto A - A+

Caminhoneiro que transmitiu HIV a seis mulheres tem 10 dias para apresentar defesa

Por: LUIS VINICIUS

O juiz Jamilson Haddad Campos, da 1ª Vara Especializada de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher de Cuiabá, recebeu a denúncia do Ministério Público de Mato Grosso (MPMT) contra o caminhoneiro Haroldo Duarte da Silveira, 32 anos, por crime de tentativa de feminicídio. O acusado está preso no Centro de Ressocialização de Cuiabá (CRC) desde 29 de agosto.

haroldo crc.jpg

 Haroldo Duarte foi denunciado por seis mulheres

Diante do recebimento da denúncia, o caminhoneiro passa a ser réu em um processo em que é acusado de ter infectado propositalmente uma mulher com o vírus do HIV.

Haroldo também é suspeito de contagiar outras cinco mulheres com a doença. No entanto, o MP ainda não se manifestou sobre os outros casos. 

Agora, Haroldo deverá ser intimado a apresentar a sua defesa, por escrito, no período de 10 dias.

Na resposta, o acusado poderá apresentar sua defesa, oferecer documentos e justificações, especificar as provas pretendidas e arrolar testemunhas, qualificando-as e requerendo sua intimação, quando necessário. As informações constam no artigo 396 do Código Processo Penal (CPP).

Prisão

Haroldo foi preso durante investigações da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher (DEDM) por nunca avisar as parceiras que era soro positivo ou ter usado qualquer tipo de proteção.

Em um primeiro momento, o caminhoneiro foi indiciado pela delegada, responsável por toda investigação, Nubya Beatriz Gomes dos Reis, por quatro tentativas de feminicídio.

Porém, após a divulgação da sua detenção, outras duas mulheres procuraram a unidade policial para denunciar o caminhoneiro. Esses dois inquéritos deverão ser finalizados na próxima semana.

“Destes seis procedimentos, já apresentei relatório final de quatro vítimas. Têm outros dois aqui comigo que devo finalizar nos próximos dias”, disse a delegada responsável por toda investigação, Nubya Beatriz Gomes dos Reis.

 

Leia mais

 

Homem que transmitiu HIV a mulheres é levado para o Carumbé

Avalie esta matéria: Gostei +3 | Não gostei







Mais Comentadas