Quinta-Feira, 10 de Outubro de 2019, 09h:58

Tamanho do texto A - A+

Ex-cabo da PM tem cartaz de "procurado" divulgado em outros Estados

Por: EDIÉLISSA EDUARDA

PMMT

Procurado

 Procurado

A Polícia Militar divulgou foto do ex-policial Helbert de França Silva, que está foragido do batalhão da Rotam, localizado no bairro Dom Aquino em Cuiabá, desde o último domingo (6). O procurado foi condenado a 105 anos de prisão por participação na ‘’Operação Mercenários’’.

Helbert de França Silva foi preso em 2017, e citado na primeira fase da operação. Ao todo, ele tem envolvimento com o grupo de policiais que tiveram participação nas mortes de 230 pessoas entre os anos de 2013 a 2016, na região metropolitana de Cuiabá.

Por se tratar de fatos distintos, cada processo foram separados e tiveram as prisões decretadas individualmente em cada um dos processos. No caso do foragido, consta-se as seguintes acusações 30 homicídios qualificado e uma tentativa de homicídio.

Por se tratar de um criminoso de alta periculosidade, a equipe de inteligência da PM divulgou um cartaz em redes sociais de Mato Grosso e de outros Estados. Denúncias que podem contribuir para a localização pode ser feita através do telefone 0800 65 3939.

Policiais presos na primeira fase

Tiveram a prisão decretada em 2016 os militares Helbert de França Silva, Ueliton Lopes Rodrigues, Claudemir Maia Monteiro, Pablo Plinio Mosqueiro Aguiar, Vagner Dias Chagas e Jonathan Teodoro de Carvalho. Todos lotados em Várzea Grande.

Policiais presos na segunda fase 

Foram presos nesta segunda Helbert de França Silva, Pablo Plinio Mosqueiro Aguiar, Laércio Salvaterra Flores.

 

 

Avalie esta matéria: Gostei +2 | Não gostei







Mais Comentadas