Quarta-Feira, 04 de Setembro de 2019, 09h:33

Tamanho do texto A - A+

Sicredi e Sebrae desenvolvem programa para potencializar os pequenos negócios

Por: REDAÇÃO

Pequenos negócios são maioria no mundo empresarial brasileiro e os que mais geram empregos. E para potencializar ainda mais a atividade desenvolvida pelos microempreendedores, a Central Sicredi Centro Norte (que abrange os estados de Mato Grosso, Pará, Rondônia e Acre) e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) em Mato Grosso assinaram nesta terça-feira (03.09) carta de intenções para a execução do Programa de Serviços e Soluções de Gestão Empresarial ao Microempreendedor Individual (PROMEI) no território mato-grossense.

Sicredi e sebrae firmam parceria

Presidente da Central Sicredi Centro Norte

O documento foi assinado pelo presidente da Central Sicredi Centro Norte, João Spenthof, e pelo diretor superintendente do Sebrae MT, José Guilherme Barbosa Ribeiro, na sede da Central em Cuiabá. O PROMEI vai oferecer serviços exclusivos para apoio e fortalecimento de 1.600 microempreendedores individuais (MEIs) associados do Sicredi em Mato Grosso, por meio de atendimento continuado por um período de 12 meses, com a oferta de soluções de educação financeira, educação empreendedora, apoio a gestão e consultoria empresarial para a aceleração do crescimento e melhoria dos negócios do microempreendedor.

Segundo dados do Sebrae MT, no Estado são 145.741 microempreendedores individuais formalizados sendo mais numerosos nos setores de: comércio varejista de artigos de vestuário e acessórios; cabeleireiros e outras atividades de tratamento de beleza; comércio varejista de cosméticos, produtos de perfumaria e higiene pessoal; obras de alvenaria; instalação e manutenção elétrica; comércio varejista de mercadorias em geral; serviços ambulantes de alimentação; comércio varejista de produtos alimentícios em geral; serviços de manutenção e reparação mecânica de veículos automotores; transporte rodoviário de carga, exceto produtos perigosos e mudanças, municipal; treinamento em desenvolvimento profissional e gerencial; e preparação de documentos e serviços especializados em apoio administrativo. 

Do total MEIs em atividade no Estado (145.741), o potencial de crédito chega a R$ 1,5 bilhão, considerando um tíquete médio de R$ 10 mil multiplicado pelo total de MEIs em atuação no mercado local. No território estadual, o número de associados MEIs do Sicredi é de 11 mil.

Entre os benefícios oferecidos aos 1.600 associados do Sicredi que vão participar do PROMEI estão atendimento exclusivo por canais online e offline e presenciais pelo Sebrae; suporte nas atividades burocráticas como relatório de receitas e despesas; emissão de declaração do DASN-MEI anual; assessoria em alvarás de funcionamento, licenciamento ambiental e de vigilância sanitária; suporte no cadastramento para emissão de notas fiscais; e lembrete de vencimento do Simples Nacional.

Outro benefício está relacionado à oferta de serviços educacionais. Cada PROMEI poderá escolher três soluções de acordo com sua necessidade nas áreas de finanças, marketing, vendas, planejamento estratégico e pessoas. Também terá acesso a consultoria e ferramentas para melhoria de gestão como fluxo de caixa, formação de preços, controle de estoque, ponto de equilíbrio, entre outros.            Ao fim do período de um ano, a expectativa é que esses negócios tenham tido resultados expressivos sobretudo no faturamento, fazendo com que elas subam mais um degrau na classificação empresarial ao evoluir para microempresa, cujo faturamento anual bruto é de até R$ 360 mil. “Com o PROMEI, o Sicredi realiza mais uma ação em cumprimento à nossa missão, que é oferecer soluções financeiras que agreguem renda aos associados. Ao melhorar a atividade deles, eles geram mais emprego e renda nas comunidades onde estão instalados e têm mais qualidade de vida. Com esse programa promovemos a inclusão e a educação financeiras, além da inclusão social e geração de renda, com importante impacto nas economias locais”, declara o presidente da Central Sicredi Centro Norte, João Spenthof.

Sicredi e sebrae firmam parceria

Diretor superintendente do sebrae MT

O diretor superintendente do Sebrae MT, José Guilherme Barbosa Ribeiro, acrescenta que a realidade mato-grossense e brasileira leva as pessoas a serem empreendedoras, ou por necessidade ou por oportunidade. “Quando fazemos pesquisa junto aos empreendedores individuais, dois problemas emergem. Um deles é a capacidade de gestão que o Sebrae contempla e oferece solução satisfatória. O outro é o apoio creditício, e este o Sebrae não tem, e é quando as instituições financeiras como o Sicredi firmam parceria”. E emenda, “é um ‘casamento perfeito’. O interesse das duas instituições é o social. Nosso negócio não é só oferecer financiamento, nem muito menos apenas capacitar, é fazer com que essas empresas, além de terem um equilíbrio financeiro, cresçam de forma ordenada”.

Apoio extra

A parceria do Sicredi com o Sebrae também prevê o desenvolvimento de um aplicativo (App) que possibilitará maior interação entre as partes envolvidas (empreendedores, Sicredi e Sebrae) conferindo maior agilidade no atendimento e compartilhamento de informações do histórico de atendimento. Várias operações remotas serão executadas pelo aplicativo de celular entre eles: canal de relacionamento direto, agendamento de atendimento presencial, emissão de guias e certidões, ‘pushs’ de alertas e promoções, capacitações online, e inteligência artificial para atendimento a dúvidas. A previsão é que o APP PROMEI seja lançado em novembro.

O MEI

O Microempreendedor Individual (MEI) é pessoa que trabalha por conta própria e que se legaliza como pequeno empresário, com faturamento bruto anual até R$ 81 mil. Num único CNPJ ele pode se enquadrar em uma ou mais atividades e ter um empregado. Com o MEI, o empreendedor tem um custo mensal referente a tributos como INSS no valor de R$ 49,90, acrescido de R$ 5 para prestadores de serviços ou R$ 1 no caso de atividades de comércio e indústria. Tem direitos e benefícios previdenciários como aposentadoria por idade, aposentadoria por invalidez, auxílio-doença, salário maternidade e pensão por morte (para a família).

No âmbito dos negócios, entre as vantagens do MEI estão a obtenção de CNPJ e Alvará de funcionamento sem custo e sem burocracia, emissão de nota fiscal, possibilidade de vender para o governo, ter acesso a produtos e serviços financeiros como crédito e baixo custo mensal de tributos (INSS, ICMS ou ISS) em valores fixos, além do apoio técnico do Sebrae.

Sobre o Sicredi

O Sicredi é uma instituição financeira cooperativa comprometida com o crescimento dos seus associados e com o desenvolvimento das regiões onde atua. O modelo de gestão valoriza a participação dos mais de 4 milhões de associados, os quais exercem um papel de dono do negócio. Com presença nacional, o Sicredi está em 22 estados* e no Distrito Federal, com mais de 1.700 agências, e oferece mais de 300 produtos e serviços financeiros. Mais informações estão disponíveis em www.sicredi.com.br.  

*Acre, Alagoas, Bahia, Ceará, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe e Tocantins. 

O Sicredi Centro Norte, composto pelos estados de Mato Grosso, Rondônia, Pará e Acre, tem aproximadamente de 457 mil associados, com 175 agências em 140 municípios.

Credito: Assessoria
Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei

Leia mais sobre este assunto