Segunda-Feira, 23 de Julho de 2018, 14h:02

Tamanho do texto A - A+

Profissionais da Segurança participam de Curso de Inteligência Financeira

Por: REDAÇÃO

Cuiabá sedia a 11ª edição do Curso de Inteligência Financeira, promovido pela Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), em parceria com os Estados brasileiros. A abertura foi realizada na manhã desta segunda-feira (23.07), no auditório Ponce de Arruda, no Palácio Paiaguás, e o encerramento será na sexta-feira (27.07).

 

Reprodução

dinheiro

 

O objetivo é fortalecer o combate aos crimes de lavagem de dinheiro e evasão de divisas, entre outros que atentam contra o sistema financeiro. O curso auxilia na identificação de provas da movimentação financeira e tributária das quadrilhas que praticam crimes variados, entre eles o narcotráfico e crime contra a administração pública.

 

Participam 39 servidores das forças de segurança que atuam nas agências de inteligência de Mato Grosso (tanto órgãos federais quanto estaduais) e mais 11 estados: Mato Grosso do Sul, Rondônia, Distrito Federal, Amazonas, Alagoas, Espírito Santo, Paraná, Roraima, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo.

 

O coordenador-geral de Integração ao Subsistema de Inteligência de Segurança Pública da Senasp, Hélio Wazlawosky, explicou que este formato de capacitação foi intensificado nos últimos anos. “Nós procuramos contemplar todas as agências de inteligência não apenas do estado que sedia o evento, mas de outras unidades da federação, seguindo alguns critérios estabelecidos pela Secretaria Nacional, porque acreditamos que o trabalho integrado é fundamental”.

 

Segundo o secretário de Estado de Segurança Pública, Gustavo Garcia, a iniciativa é fundamental para desarticular os braços financeiros das organizações criminosas. “Com a qualificação dos servidores da área de inteligência, é possível priorizar ações que visam o combate a crimes patrimoniais, como evasão de divisas, lavagem de dinheiro, entre outros. E a expectativa é que os participantes compartilhem o conhecimento adquirido com os demais servidores do sistema de segurança”.

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei

Leia mais sobre este assunto










ESTÚDIO HIPER
INFORME PUBLICITÁRIO GCOM - Combate à Dengue, Zika e Chikungunya em MT

INFORME PUBLICITÁRIO - Combate as Infecções Sexualmente Transmissíveis

16º FESTIVAL DAS FLORES CUIABÁ 2019