Sábado, 05 de Outubro de 2019, 16h:22

Tamanho do texto A - A+

Jornalistas de MT fundam confraria voltada para a qualificação profissional

Por: DA,REDAÇÃO

Divulgação

CONFRARIA DE JORNALISTAS

 Confraria fará a próxima reunião em novembro

Uma das profissões que mais tem experimentado mudanças em sua essência é o jornalismo. Novas linguagens, predominância da tecnologia, formatos inovadores de veículos e o fenômeno das fake news impactam o cotidiano dos jornalistas.

Qualquer um que tente apontar para onde irá o jornalismo nos próximos anos corre grande risco de errar na projeção.

Em meio a esse turbilhão de novidades, foi fundada neste sábado (05.10) a Confraria de Jornalistas Profissionais do Estado de Mato Grosso, uma associação sem fins lucrativos voltada para o fortalecimento da atuação dos profissionais no estado.

“Nosso foco principal é apoiar o jornalista na sua qualificação profissional, pensando em todas as oportunidades que o mercado de trabalho pode apresentar. O próximo passo é elaborar um plano de atividades para apresentar aos “confrades”. Até novembro, teremos um planejamento com a agenda das primeiras ações”, disse a presidente da Confraria, Ana Karla Costa.

Para participar, os jornalistas precisam se associar. A anuidade para manutenção da Confraria terá início em janeiro de 2020. “Nosso intuito é a Confraria torna-se autossuficiente com o tempo, a partir da receita que teremos com a realização de eventos e cursos de qualificação”, afirma a vice-presidente Camila Bini.

Na reunião de fundação da Confraria participaram cerca de 30 jornalistas e representantes da Confraria de Profissionais de Marketing de Mato Grosso.

A ideia de criação de um fórum para discussão e troca de conhecimentos sobre a atividade jornalística começou informalmente, num grupo de Whatsapp composto por comunicadores em busca de qualificação e oportunidades de trabalho. A iniciativa tomou corpo em maio deste ano, quando foi realizado um grande encontro. “Entendemos como poderíamos funcionar e agora estamos tirando a ideia do papel”, comenta Ana Karla.

A confraria tem uma diretoria executiva formada por Ana Karla Costa (presidente), Camila Bini (vice-presidente), Thielli Bairros (secretária), Gláucio Nogueira (secretário suplente), Sandra Amorim (tesoureira) e Ivana Maranhão (tesoureira suplente). O Conselho Fiscal foi formado por Rodrigo Vargas, Elaine Andrade e Pamela Muramatsu, sendo conselheiros suplentes Priscila Mendes, Francisca Medeiros e Maíza Prioli.

A próxima reunião ampliada da Confraria será em novembro.

Avalie esta matéria: Gostei +5 | Não gostei