Quarta-Feira, 11 de Setembro de 2019, 08h:40

Tamanho do texto A - A+

Gêmeas são criticadas por 'explorar mendigo' por iPhone

Por: EXTRA GLOBO

Reprodução

MODELOS

As gêmeas russas Adel e Alina Fakhteeva, de 24 anos, vem sendo duramente criticadas nas redes sociais por "explorar um mendigo" para ganhar um iPhone em um concurso.

Adel e Alina, que são modelos, aproximaram-se do sem-teto, identificado como Yuri Zasorin, que vive nas ruas há 28 anos, aleatoriamente.

"Pobre homem, ele não deve comer há muito tempo", disse uma delas em vídeo gravado na cidade de Kazan (Rússia) e postado no Instagram. O material não está mais disponível.

Então, a russa pegou o telefone e pediu comida japonesa por meio de um aplicativo, reportou o "Metro".

A comida não tardou a chegar. Inicialmente, Yuri foi alimentado na boca pelas gêmeas, usando hashi. Depois, passou a comer sozinho.

Ao fim do vídeo, Yuri agradece, sem saber o que estava por trás da ação:

"Todos sabem que ainda existem pessoas boas dispostas a ajudar."

O vídeo provocou revolta nas redes. As gêmeas foram acusadas de hipocrisia e exploração da miséria. Adel e Alina estavam participando do concurso "A gente se importa", que premia boas ações. Entre os prêmios estão um iPhone XR e um PlayStation 4.

 

Em 2017, Adel e Alina, que se dizem inseparáveis, viraram notícia ao declarar que buscavam um marido para dividir. Elas declararam que buscavam um pretendente rico que as levasse para morar em Moscou.

Avalie esta matéria: Gostei +1 | Não gostei