Sexta-Feira, 16 de Agosto de 2019, 09h:43

Tamanho do texto A - A+

Jovem de 22 anos é raptada e estuprada ao sair de igreja

Por: LUIS VINICIUS

Uma jovem de 22 anos, que não teve o nome revelado, foi estuprada e agredida ao sair da igreja Assembleia de Deus para atender um celular, na noite de quinta-feira (15), no bairro 24 de Dezembro, em Várzea Grande.

Após o crime, o estuprador fugiu nu do local e até a publicação da matéria, não havia sido localizado.

Márcia Foletto

menina estuprada


O crime aconteceu por volta das 20h40, quando a vítima saiu do templo religioso. Ela foi abordada pelo criminoso e coagida para ir até os fundos da Policlínica do bairro, onde foi estuprada.

Durante a ação criminosa, o estuprador ameaçou a vítima dizendo: “Se você fizer qualquer coisa. Eu te mato, eu tenho revólver e faca na mochila".

Depois do estupro, a vítima conseguiu se desvencilhar do criminoso e correu. Em seguida, ela pediu socorro e as testemunhas chamaram a Polícia Militar.

Rapidamente, os agentes foram ao local e a jovem indicou o local onde o suspeito se encontrava.

No entanto, quando os PMs chegaram ao local, o estuprador já havia fugido. O agressor estaria nu e deixou os pertences.

Os militares fizeram rondas pela região, mas o homem não foi localizado.

Já a vítima foi ao Pronto-Socorro de Várzea Grande (PSVG), por meios próprios, para receber atendimento médico.

O caso será investigado pela Polícia Civil.

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei