Terça-Feira, 17 de Setembro de 2019, 10h:14

Tamanho do texto A - A+

Empresário líder de grupo de extermínio é baleado em fazenda

Por: LUIS VINICIUS

O empresário Vanderlei Marcelo de Lima foi baleado no abdômen quando chegava em sua fazenda, na manhã desta terça-feira (17), no bairro Estrada de Cumbaru, na cidade de Poconé (100 km de Cuiabá). A vítima, segundo informações, foi solta pela Justiça em abril deste ano acusado de participar de um grupo de extermínio no município.

Gazeta Digital

empresario alexandre.jpg

 

A vítima relatou que ao chegar em sua fazenda, desceu para abrir a porteira e ouviu um barulho de tiro.

Vanderlei informou que após ouvir o disparou entrou em seu veículo, de modelo não identificado, retornando para a região central da cidade.

No percurso, o empresário percebeu que havia sido baleado. Rapidamente, ele foi até o Pronto Atendimento Médico (PAM), onde recebeu atendimento. Logo depois, o empresário foi encaminhado ao Pronto-Socorro de Cuiabá (PSMC). O estado de saúde de Vanderlei não foi revelado.

Após o fato, policiais fizeram rondas na região, mas até a publicação da matéria, o atirador não havia sido identificado ou preso.

O caso será investigado pela Polícia Civil.

Ficha

O empresário deixou a prisão no dia 10 de abril deste ano após decisão do juízo de 1ª instância. A revogação da prisão foi do juiz Alexandre Paulichi Chiovitti que acatou os argumentos da defesa.

No entanto, o magistrado impôs medidas cautelares com o uso de tornozeleira eletrônica.

Vanderlei é acusado de liderar o grupo responsável por cometer, pelo menos, sete mortes na cidade.

Os policiais civis que investigaram os homicídios apontaram que o empresário fazia “vaquinhas” com outros comerciantes para arrecadar dinheiro e pagar os pistoleiros para executarem as vítimas.

Os alvos do grupo de extermínio eram jovens e adolescentes que, geralmente, tinham passagens criminais.

Avalie esta matéria: Gostei +1 | Não gostei