Quarta-Feira, 17 de Julho de 2019, 19h:34

Tamanho do texto A - A+

Regularizado, Nenê pode estrear na vaga de Ganso no clássico entre Flu e Vasco

Por: CONTEÚDO ESTADÃO

A ausência de Paulo Henrique Ganso, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, na equipe do Fluminense no clássico de sábado, às 11 horas, em São Januário, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro, pode ser amenizada pela estreia de Nenê. O nome do meia foi registrado no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF, nesta quarta-feira. Assim, ele já tem condições de jogo.

Apresentado como reforço na segunda-feira, vindo do São Paulo, durante o empate com o Ceará, no Maracanã, Nenê fez o primeiro treino nesta terça-feira. Sua escalação no clássico do fim de semana só depende do técnico Fernando Diniz, que ainda vai orientar mais quatro treinamentos até o dia do jogo.

Nenê se junta ao goleiro Muriel como reforços do time das Laranjeiras. O próximo contratado pode ser o atacante Wellington Nem, que é esperado no Rio nesta quinta-feira. O jogador, de 27 anos conseguiu liberação do Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, e fará exames médicos antes de assinar contrato por empréstimo. Seu compromisso com o time ucraniano vai até 30 de junho de 2021. O treinador ainda quer um zagueiro e um lateral-esquerdo.

Quem esbanja alegria na equipe tricolor é o zagueiro Digão, depois do retorno à equipe na segunda-feira, frente ao Ceará, após quatro meses de recuperação por causa de uma lesão. "Foi uma sensação muito boa. Foram meses difíceis para mim. Tive momentos de incertezas, não sabia se eu voltaria com dor. Mas voltei bem. Ainda preciso de ritmo de jogo. O mais importante foi ter retornado, não ter sentido dor e ter ajudado o time de alguma forma. Infelizmente, a vitória não veio, mas tenho certeza que vamos conseguir nas próximas rodadas."

Em 15º lugar no Campeonato Brasileiro, o Fluminense tem nove pontos, mesma pontuação do rival Vasco, mas fica à frente no saldo de gols. As duas equipes cariocas brigam com o Cruzeiro para fugir da zona de rebaixamento.

(Com Agência Estado)

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei







Mais Comentadas