Domingo, 13 de Outubro de 2019, 12h:44

Tamanho do texto A - A+

“Semana da Criança Segura no Trânsito” encerra com entrega de brinquedos

Por: DA REDAÇÃO

A Gerência de Ações Educativas do Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (Detran-MT) encerrou, nesta sexta-feira (11), as ações da “Semana da Criança Segura no Trânsito”, com atividades interativas para crianças do Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) João Crisóstomo de Figueiredo, localizado no bairro Doutor Fábio, em Cuiabá.

dia das crianças.jpg

 

Os servidores da gerência passaram, através de atividades lúdicas, orientações sobre as regras de segurança das crianças no trânsito. Ao final, foram distribuídos brinquedos, em comemoração ao Dia das Crianças, para a alegria da garotada.

Conforme o diretor do CMEI, Celso da Silva, foi um privilégio receber a ação do Detran na unidade. “Parabenizo a autarquia pela iniciativa, pois acredito que é dessa forma que iniciamos a educação para o trânsito, começando pelas crianças”, disse.

Segundo a gerente de Ações Educativas do Detran-MT, Rosane Pölzl, levar informações sobre a educação para o trânsito para dentro das escolas é fundamental para ensinar as crianças desde pequenas sobre como se comportar no trânsito.

A pequena Izabely, de 03 anos, disse ter adorado a atividade. “Eu achei muito legal a palestra e aprendi que não pode atravessar a rua sem olhar para os dois lados e também temos que atravessar na faixa de pedestre”, falou.

A programação da “Semana da Criança Segura no Trânsito” ocorreu em cinco escolas municipais de Cuiabá, levando palestras a alunos e professores da educação básica sobre os cuidados e orientações quanto a segurança no trânsito.

As unidades foram escolhidas por estarem localizadas próximas a vias de grande circulação de veículos e não contarem com semáforos para trazer uma maior segurança das crianças e seus responsáveis, ao atravessarem a rua ou ao desembarcarem e embarcarem nos portões das escolas.

Atualmente o número de veículos nas ruas tem aumentado e as crianças saem mais de casa. Devido à baixa estatura, muitos motoristas não conseguem enxergar onde elas se encontram, e os pequenos também não conseguem ver o carro se aproximando, não avaliando o risco que correm.

“Por isso é importante passarmos os conceitos de segurança primária no trânsito, para que as crianças se tornem adultos mais responsáveis nas vias”, completou a analista do serviço de trânsito da Gerência de Ações Educativas de Trânsito do Detran-MT, Zoraide Barbosa Almeida Urcino.

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei







Mais Comentadas