Segunda-Feira, 10 de Junho de 2019, 07h:40

Tamanho do texto A - A+

Paralisação do transporte coletivo deixa população sem ônibus em Cuiabá e Várzea Grande

Por: REDAÇÃO

Desde as 3h desta segunda-feira (10) os ônibus do transporte coletivo que atendem à região metropolitana de Cuiabá não estão circulando. Os funcionários alegam que as empresas não pagaram os salários na sexta-feira (7) passada, quinto dia útil do mês, conforme acordo feito pela categoria com as empresas operadoras do sistema. Nos pontos de ônibus, é grande o número de pessoas aguardando que os coletivos voltem a circular, já que existe a perspectiva que se as empresas sinalizarem o pagamento a partir das 8 horas eles suspendem o movimento. 

Rayane Alves

greve onibus


Confome o sindicato que representa a categoria, os trabalhadores estão aguardando uma posição das empresas em relação ao horário que o dinheiro seja depositado nas contas dos funcionários. Na sexta-feira circulou um informativo nas garagens que se o dinheiro não fosse depositando na zero hora de sexta-feira, haveria a paralisação nesta segunda-feira. 

Em cuiabá, operam o sistema as empresas Pantanal Transportes, Integração Transportes e Expresso Norte Sul e, em Várzea Grande, a União Transportes, que faz o transporte intermunicipal. Cerca de 150 mil pessoas  são atendidas por dia na região metropolitana. De acordo com a Associação que representa o sistema, as empresas estão com dificuldades financeiras para fazer os pagamentos dos salários. 

Outro lado 

Conforme nota enviada à imprensa, a Associação Mato-grossense dos Transportadores Urbanos (MTU),  afirma que as empresas do transporte coletivo estão tentando viabilizar o pagamento desde a semana passada, entretanto a instabilidade do valor da tarifa causou o desequilíbrio do sistema do transporte coletivo e as empresas estão com dificuldades financeiras. 

 

Leia mais

Motoristas aceitam proposta e paralisação dos ônibus chega ao fim

Avalie esta matéria: Gostei +2 | Não gostei - 3

Leia mais sobre este assunto