Sexta-Feira, 11 de Outubro de 2019, 16h:50

Tamanho do texto A - A+

Nova eleição para conselheiro tutelar em VG será dia 20

Por: FERNANDA ESCOUTO

Após o cancelamento do Ministério Público Estadual (MPMT), a nova data para a eleição dos Conselheiros Tutelares de Várzea Grande será no próximo dia 20.

Divulgação

Conselho Tutelar

 Conselho Tutelar de Várzea Grande

O Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE), em comum acordo com a Promotoria da Infância e Adolescência, Conselho Municipal da Criança e Adolescente de Várzea Grande e Prefeitura Municipal, definiram o novo calendário, no qual 15 membros do conselho serão escolhidos.

No dia 20, a população também vai escolher representantes para ocupar os 15 cargos de suplentes no Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente. Ao todo, são 144 candidatos.

A primeira eleição, que era para ter acontecido no último dia 6, foi suspensa após inconsistências em dados em informações de eleitores aptos a votarem, além dos locais de votação.

“Ocorre que as urnas eletrônicas preparadas pela área técnica do Tribunal Regional Eleitoral – TRE/MT, como aconteceu em diversos municípios do Brasil, com a inserção de dados dos possíveis eleitores e dos 144 candidatos que deveriam disputar o certame eleitoral, que foram lacradas e só funcionariam a partir do horário estabelecidos nos seis pontos de votação de Várzea Grande na data de hoje, 06 de outubro de 2019, acabou apresentando inconsistência em dados e informações dos eleitores”, argumentou a prefeitura.

Em 2015, a eleição em Várzea Grande também foi cancelada. O motivo à época, além da falta de organização, foi que indisponibilidade de urnas nos locais de votação.

Eleições

Todas as pessoas com mais de 16 anos e que tenham título regular com inscrição nas zonas eleitorais da cidade em que vivem podem votar nesse processo eleitoral.  Os conselheiros tutelares são responsáveis por zelar pela proteção de crianças e adolescentes.

A participação na escolha dos novos conselheiros não é obrigatória.

No momento da votação, o cidadão deverá apresentar título de eleitor e documento de identidade original com foto, ou o aplicativo e-título, da Justiça Eleitoral.

Podem votar eleitores cadastrados nos tribunais regionais eleitorais até 14 de junho deste ano.

 

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei







Mais Comentadas