Domingo, 21 de Abril de 2019, 15h:47

Tamanho do texto A - A+

“Burrinho” utilizado em peça sobre Paixão de Cristo é furtado no interior de MT

Por: KHAYO RIBEIRO

Um burro que estava sendo utilizado na encenação de uma peça sobre Paixão de Cristo foi furtado durante a madrugada deste domingo (21). O animal estava sendo usado desde sexta-feira (19) no espetáculo teatral. O caso foi registrado no município de Cáceres (240 Km de Cuiabá).

Reprodução

Bandidos roubam burrinho

 

Conforme informações do portal Cáceres Notícias, foi o vigia do local quem primeiro sentiu a falta do animal. Diante da situação do furto do burro, um boletim de ocorrências foi prestado no Centro Integrado de Segurança e Cidadania de Cáceres (CISC).

As informações repassadas pelo trabalhador dão conta que um grupo de pessoas estaria ingerindo bebida alcoólica próximo ao local anteriormente e que poderiam ter sido essas pessoas as responsáveis pelo furto do animal.

Organizada pela Prefeitura, a exibição da peça acontecia desde sexta-feira (19), na praça de eventos da Secretaria Municipal de Eventos e Cultura (SMTC). Neste domingo, o animal seria utilizado na execução de mais duas cenas da peça.

Informações que possam levar à localização do animal podem ser repassadas via 190 ou, ainda, presencialmente no CISC.

Outros casos inusitados

Em janeiro de 2019, o HiperNotícias noticiou o furto de um alien de concreto de uma casa de mel, próxima à Chapada dos Guimarães (70 Km de Cuiabá). O “ET” teria sido furtado durante a virada de ano, quando os proprietários do estabelecimento não estavam presentes. À época, o alien foi localizado já na Capital, no bairro Cidade Verde.

À reportagem, o comerciante contou que um “Papai Noel” e um “Jesus” também teriam sido furtados no mesmo período, na praça de Chapada dos Guimarães.

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei







Mais Comentadas



ESTÚDIO HIPER
Prefeitura de VG - Aniversário de Várzea Grande 152 anos

Bolsonaro mostra ao SBT cicatrizes de cirurgia após levar facada

Programa Palavra Literária | 01 | Caio Ribeiro