Quinta-Feira, 09 de Novembro de 2017, 10h:17

Tamanho do texto A - A+

Tribunal de Justiça arquiva denúncia contra Fávaro por sua gestão na Sema

Por: PABLO RODRIGO

O vice-governador e secretário de Estado de Meio Ambiente (Sema), Carlos Fávaro (PSD), deixou de ser invrstigado pelo Núcleo de Ações de Competência Originária - NACO, do Ministério Público Estadual (MPE) por suspeita de fraudes em sua gestão na Sema. 

 

A decisão do arquivamento foi proferida pelo presidente do Tribunal de Justiça (TJMT), desembargador Rui Ramos.

 

A decisão de Ramos se baseia no pedido do promotor de Justiça Antônio Sérgio Cordeiro Piedade, que  argumentou a insuficiência de provas que pudessem permitir posterior pedido de abertura de ação penal. 

 

Alan Cosme/HiperNoticias

carlos favaro

 

Essa é a segunda denúncia contra Fávaro que é arquivada. Antes, o secretário chegou a ser acusado de não divulgar informações a pedido pelo próprio MPE.

 

O atual arquivamento também favorece o advogado José dos Santos Neto e o empresário Hildebrando José Pais dos Santos, este último indiciado pela Polícia Federal em 2010 nos autos da Operação Jurupari pela suspeita de participação em uma rede criminosa voltada para a extração, transporte e comércio ilegal de madeira da região Amazônica, em Mato Grosso. 

 

De acordo com as investigações da PF, os danos ambientais, no total, chegam a R$ 900 milhões. 

 

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei

Leia mais sobre este assunto