Segunda-Feira, 13 de Novembro de 2017, 08h:05

Tamanho do texto A - A+

Seis vereadores por Cuiabá serão candidatos em 2018; outros sete estão indecisos

Por: FELIPE LEONEL

Seis vereadores por Cuiabá pretendem disputar as eleições de 2018, quando serão abertas as vagas de deputados estadual, federal, além de senador, governador e presidente da República. Sete parlamentares afirmaram não descartar uma candidatura caso o partido os convoque. Oito afirmaram categoricamente que não vão concorrer a nenhum cargo eletivo no ano que vem.

 

Alan Cosme/HiperNoticias

sargento joelson

Sargento Joelson é um dos que irão disputar cargo legislativo em 2018

Os parlamentares apostam na fragilidade dos atuais deputados estaduais, atingidos em cheio pela delação do ex-governador Silval Barbosa (PMDB), firmada junto à Procuradoria-Geral da República (PGR). Dos 24 deputados, 15 foram delatados pelo ex-governador, sendo que em alguns casos também foram divulgados vídeos de políticos recebendo propina.

 

Os vereadores que assumiram a pré-candidatura são: Sargento Elizeu Nascimento (PSDC); Dilemário Alencar (Pros); Adevair Cabral (PSDB); Juca do Guaraná (PT do B); Mario Nadaf (PV) e Sargento Joelson Amaral (PSC). Dilemário e Sargento Joelson pretendem disputar o cargo de deputado federal, enquanto os demais pleiteiam o cargo estadual.

 

“O objetivo é fazer dois deputados estaduais e um federal. Eles estão optando por mim para ser o candidato a federal. Apesar de ser o projeto mais difícil, nós vamos para a batalha. O mandato não é nosso, é da tropa”, afirmou Sargento Joelson, que pretende aumentar a bancada de policiais no legislativo estadual e federal.

 

Já Nadaf, vereador pelo quarto mandato, descarta uma nova candidatura ao cargo de vereador e pleiteará uma cadeira na Assembleia Legislativa. O vereador conta com o seu tempo de partido para garantir uma candidatura única pelo PV à AL. Acontece que os colegas de parlamento e de partido, Marcos Veloso e Felipe Wellaton, também não descartam uma corrida eleitoral.

 

Walter Machado/Secom CâmaraCbá

Mário Nadaf

Vereador Mario Nadaf confirmou que irá disputar cadeira na Assembleia

Mário Nadaf ressaltou que todas as tentativas da Câmara de Vereadores de lançar candidatos a deputado estadual resultaram em fracasso, em função da divisão dentro dos partidos. “Se nós dividirmos muito, não chegaremos à Assembleia. O Nortão votará na gente? Então, com essa divisão partidária e com muitos vereadores se lançando candidatos, não ganha ninguém”, afirmou.

 

Os políticos que ainda não decidiram se vão disputar algum cargo eletivo em 2018 são: Dr. Xavier (PTC) não descarta uma candidatura a federal; Dr. Ricardo Saad (PSDB); Felipe Wellaton (PV) e o delegado Marcos Veloso (PV). Somado a isso, o vereador Diego Guimarães disse ter sido convidado pelo PP, mas não é o seu desejo disputar em 2018.

 

Os vereadores Toninho de Souza (PSD) e Gilberto Figueiredo (PSB) afirmaram à reportagem não terem decidido ainda, mas não descartam uma corrida eleitoral. Nos bastidores, Toninho está articulando uma candidatura e o vereador Gilberto nega ser candidato, mas deixa claro o senho de ser deputado estadual em conversas com amigos.

 

Já o vereador licenciado Vinicyus Hugueney (PP), atual secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, afirmou que não descarta uma candidatura. Os vereadores Luis Claudio (PP); Paulo Araújo (PP); Misael Galvão (PSB); Abilio Brunini (PSC); Renivaldo Nascimento (PSDB); Marcrean Santos (PRTB); Chico 2000 (PR) e Orivaldo da Farmácia (PRP) afirmaram não serem candidatos.

 

A reportagem não conseguiu  contato com os vereadores Justino Malheiros (PV), presidente da Câmara de Vereadores; Wilson Kero Kero (PSL); Lilo Pinheiro (PRP), líder do prefeito Emanuel Pinheiro (PMDB) e Marcelo Bussiki (PSB), líder da oposição na Casa de Leis. 

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei - 2