Domingo, 10 de Setembro de 2017, 10h:00

Tamanho do texto A - A+

Rodrigo Barbosa comprou apartamentos próximos à universidade com dinheiro de propina

Por: FELIPE LEONEL

O filho do ex-governador Silval Barbosa (PMDB), Rodrigo Barbosa, afirmou que comprou quatro apartamentos com dinheiro de propina da Construtora São Benedito. Dois apartamentos estão localizados próximo à Universidade de Cuiabá (Unic), nos 11º e 13º andares, do Edifício Parque Residencial Beira Rio. A escolha do local, segundo o delator, seria estratégica para alugar para os estudantes universitários. 
 
 

Alan Cosme/HiperNoticias

rodrigo barbosa

Rodrigo Barbosa, filho do ex-governador, no Fórum de Cuiabá

Os outros dois apartamentos são localizados nos 11º e 17º andares, do Edifício Via Ipiranga, na Avenida Ipiranga, em Cuiabá.  As informações constam na delação de Rodrigo, firmada junto à Procuradoria-Geral da República (PGR) e homologada pelo relator do caso no Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Luiz Fux.  
 
 
"O declarante procurou diretamente o empresário Marcelo Malouf e relatou que tinha interesse me adquirir apartamentos no Residencial Beira Rio, em razão da proximidade com a Unic e por se tratar de imóveis com alta rotatividade para fins de aluguel", afirmou Rodrigo Barbosa, no acordo de delação premiada. 
 
 
As tratativas sobre a compra do apartamento se deram diretamente com o proprietário da construtora. Apesar de Rodrigo ter pago o valor em espécie de maneira parcelada, o proprietário da construtora não questionou a origem do dinheiro e também não teria pedido para que o pagamento ocorresse de forma distinta. 
 
 
O apartamento adquirido por Rodrigo contém três quartos, sendo uma suíte, sala de estar e jantar com sacada, banheiro social e área de serviço. O prédio possui dois elevadores. Os imóveis localizados na Avenida Beira Rio foram adquiridos por R$ 253 mil cada, totalizando R$ 506 mil. Já os localizados na Avenida Ipiranga estão avaliados em R$ 223 mil, totalizando R$ 446 mil. 
Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei

Leia mais sobre este assunto