Quinta-Feira, 18 de Maio de 2017, 07h:29

Tamanho do texto A - A+

Nos EUA, Taques prefere não comentar sobre Temer e Aécio; "preciso ouvi-los"

Por: PABLO RODRIGO/RENAN MARCEL

Diante da notícia de que o presidente da República, Michel Temer (PMDB), teria sido gravado autorizando a compra do silêncio do ex-deputado federal Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e o senador Aécio Neves (PSDB), também gravado, pediu propina de R$ 2  milhões da empresa JBS, o governador de Mato Grosso, Pedro Taques (PSDB) avalia que o Brasil vive um momento extremamente crítico na política e diz que a repercussão do fato pode ser prejudicial para o País.

 

Facebook

Taques e Temer

Pedro Taques e Aécio Neves na posse do presidente da República em exercício, Michel Temer

Em entrevista ao HiperNoticias, Taques preferiu não se posicionar sobre os líderes nacionais sem antes ouvir Temer e Aécio. O senador é presidente do partido de Taques. E Temer teve o apoio do governador durante o período de impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT).

"Quero ouvi-los antes, saber o que eles têm a dizer. Nunca tomei uma decisão sem ouvir o outro lado", disse por telefone. Taques está nos Estados Unidos, em viagem oficial.

 

Em caso da denúncia gerar uma queda de Temer, por impeachment ou renúncia, Taques diz apenas que espera que a Constituição seja cumprida.

 

A gravação contra o presidente veio à tona nessa quarta-feira (17), por meio de uma reportagem do jornal online de O Globo. O dono da JBS, Joesley Batista, gravou a conversa com Temer, na qual o peemedebista teria indicado o deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR) para resolver um assunto da JBS. Rocha Loures, por sua vez, foi filmado recebendo uma mala com R$ 500 mil, repassados por Joesley.

 

Na gravação, Temer também teria ouvido do empresário que  Eduardo Cunha e ao operador Lúcio Funaro estão recebendo uma mesada na prisão para ficarem calados. Diante da informação, Temer incentivou: "Tem que manter isso, viu?".

 

Leia mais

 

Dono da JBS grava Temer dando aval para comprar silêncio de Cunha

 

Avalie esta matéria: Gostei +1 | Não gostei

Leia mais sobre este assunto




9 Comentários

Thalita - 19/05/2017

Certo esta Taques, que não fica julgando e apontando dedos sem antes saber o que realmente está acontecendo.

Hendson - 19/05/2017

Taques não tem nada haver com isso, não entendi nem o motivo de pedirem sua opinião. É falta de pauta? Deixa o cara trampar em paz, ele já tem problemas demais para resolver.

Vitor - 19/05/2017

Ótimo posicionamento. Ouvir os envolvidos é a melhor opção antes de opinar sobre acontecimentos alheios.

Tati Sales - 19/05/2017

Isso mesmo governador você está certo de não dar sua opinião em algo que ainda esta sendo investigado.

Lais tigre - 19/05/2017

Uai não vejo nada de errado nisso, taques está totalmente certo ele não pode se comprometer em julgar algo que ainda está sobre investigação! Fez certo governador em não falar sobre isso.

Gabriela Andrade - 19/05/2017

Quando se trata de qualquer tipo de investigação, o ideal é esperar para ver o que acontece, declarar apoio a um lado sem conhecimento da sua participação no ocorrido é insensato.

Keila - 19/05/2017

Taques além de mediador sabe que precisa conversar com os dois acusados, pois não cabe a ele fazer julgamento de nada.

Gervário Coelho - 18/05/2017

"Quero ouvi-los antes...Nunca tomei uma decisão sem ouvir o outro lado", disse por telefoneTaques que está nos Estados Unidos, em viagem oficial. CONFESSOU! KKKK O pior é ele dizer que só se manifesta depois de falar com Temer e Aécio. Até parece que Aécio, que pode ir pra cadeia a qualquer momento, ou Temer, que deve perder a presidência em poucos dias, vão se preocupar em falar com Pedro Taques...ele se acha! E sobre os grampos, não disse nada, ou não lhe foi perguntado.

Carlos Nunes - 18/05/2017

Agora fica como o Ricardo Boechat e o Datena comentaram outro dia: não é mais batom na cueca, é a cueca no batom inteiro. Gravou tá gravado. É evidente que vão negar o ilícito. No país da inversão de valores, pegam o cara com a cueca cheia de dinheiro...e o cara diz: que dinheiro? São esses dois que estão fazendo Reformas que só vão tirar direitos adquiridos do Trabalhador, do Aposentado? Vote!

INíCIO
ANTERIOR
PRÓXIMA
ÚLTIMA