Sexta-Feira, 13 de Julho de 2018, 11h:47

Tamanho do texto A - A+

Gilmar Fabris apoia Taques e declara que irá retirar candidatura se Júlio Campos competir

Por: DANNA BELLE

O deputado estadual Gilmar Fabris (PSD) declarou, abertamente, apoio à pré-campanha do governador Pedro Taques (PSDB) à reeleição, por ter sido base durante todo o mandato, além de ser o único candidato confirmado até o momento.

 

Mayke Toscano/Hipernotícias

Gilmar Fabris

 Deputado estadual Gilmar Fabris (PSD)

“Candidatura que eu conheço até agora é do doutor Pedro Taques, as demais candidaturas uma hora se diz ‘senador Wellington é candidato, não é mais candidato. O ex-prefeito Mauro Mendes é candidato, mas pode ser o Pivetta o candidato’”, explicou em entrevista à Rádio Capital 101,9 FM na manhã sexta-feira (13).

 

O ex-vice-governador Carlos Fávaro (PSD) está articulando com outros pré-candidatos ao Governo para definir qual projeto apoiar, na tentativa de conseguir uma vaga para disputar o Senado. Fabris declarou que todos os filiados têm o direito de conversar com outros grupos e apresentar uma proposta de coligação antes das convenções.

 

“Ficou deliberado. na reunião que tivemos. que pudéssemos cada um procurar seu rumo até o dia da convenção, quando chegar o dia será colocada em votação uma das propostas”, comentou.

 

O ex-governador Júlio Campos (DEM) está avaliando a possibilidade de disputar uma vaga na Assembleia Legislativa e até confidenciou a alguns amigos que deseja presidir o Poder Legislativo.

 

Devido à amizade com Campos, o parlamentar avalia desistir de de sua candidatura para poder apoiar o projeto do amigo, caso o ex-governador realmente coloque o nome na disputa.

 

“Júlio Campos é meu compadre, a pessoa que foi pai de nós todos políticos. Se ele fosse realmente canditado a deputado estadual, eu não serei. Não por medo de ganhar ou perder. Se ele pretende ser candidato pode contar comigo que eu desisto da minha candidatura para apoiá-lo”, declarou.

 

Outro membro da família Campos tem apoio garantido de Fabris é o ex-governador e pré-candidato a senador Jayme Campos (DEM). Dessa forma, o pessedista tem como segunda opção ao Senado, o presidente do seu partido, Carlos Fávaro.

 

“Sempre fui, tenho compromisso com doutor Jayme, compromisso de fidelidade de 30 anos”, finalizou.

Avalie esta matéria: Gostei +2 | Não gostei

Leia mais sobre este assunto




1 Comentários

João Tabajara Mussis - 18/07/2018

Tá certo, deputado Gilmar, pois ele e muitos dos atuais politicos de Mato Grosso, devem a sua carreira pela ajuda e apoio do ex-Governador e Senador Julio Campos, mais são pouco que são leais e tem a coragem de fazer uma afirmação dessa. Creio se o Dr.Julio for candidato não precisa o Senhor deixar a politica, pois são 24 vagas, e uma delas com certeza será do Dr.Julio Campos.

INíCIO
ANTERIOR
PRÓXIMA
ÚLTIMA