Quarta-Feira, 17 de Maio de 2017, 19h:43

Tamanho do texto A - A+

Galli convoca bancada de MT para discutir gravação de Temer em esquema

Por: RENAN MARCEL

Líder da bancada de Mato Grosso no Congresso Nacional, o deputado federal Victório Galli (PSC) vai convocar uma reunião com os outros 10 membros do grupo para discutir o posicionamento dos parlamentares diante da notícia de que o presidente da República Michel Temer (PMDB) deu aval para o dono da empresa JBS, Joesley Batista, comprar o silêncio do ex-presidente da Câmara e ex-deputado federal Eduardo Cunha (PMDB), que está preso na Operação Lava Jato.

 

Alan Cosme/HiperNoticias

victorio galli

 

“Vamos nos reunir para ver como vai ser. Como iremos receber essa pancada. De fato, parece aquela situação em que uma pessoa está na UTI e o quadro vai se agravando. A política está doente”, avaliou Galli. O deputado, no entanto, fez questão de lembrar que ainda não tinha conhecimento do teor completo da gravação. Segundo o deputado, a reunião deve ocorrer nesta quinta-feira.

 

O fato veio à tona no início da noite desta quarta-feira (17) em uma reportagem do site do jornal O Globo. Joesley teria gravado a conversa com Temer. A “pancada” foi tão forte que suspendeu as sessões na Câmara e no Senado. “Não tem mais clima para trabalhar”, afirmou o deputado Rodrigo Maia (DEM/RJ), que preside a Câmara.

  

Além da reunião da bancada federal, os deputados devem se reunir com seus próprios partidos. Do grupo de Mato Grosso, apenas o deputado Ságuas Moraes (PT) não dá sustentação ao governo de Michel Temer.

Avalie esta matéria: Gostei +1 | Não gostei

Leia mais sobre este assunto