Quarta-Feira 18 de Janeiro de 2017
pesquisas

Terça-Feira, 10 de Janeiro de 2017, 18h:08

Tamanho do texto A - A+

Ex-secretários da gestão Mendes vão assumir cargos de 2º escalão

Por: PABLO RODRIGO

O secretário-chefe da Casa Civil, Paulo Taques, confirmou o desmembramento da Secretaria de Justiça e Direitos Humanos. Com isso, a nova estrutura do governo contará com a Secretaria de Estado de Sistema Penitenciário, que será comandada pelo atual chefe da Casa Militar, coronel  Airton Siqueira. Já a Casa Militar passará a ser comandada pelo seu adjunto, coronel Evandro Alexandre Ferraz Lesco.

 

Porém, os desmembramentos e extinções de secretarias só ocorrerão com a Reforma Administrativa, ainda em fase de conclusão pelo palácio Paiaguás. 

 

Alan Cosme/HiperNoticias

paulo taques

 

Diante dessa mudança, a área de Direitos Humanos será integrada à Secretaria de Trabalho e Assistência Social (Setas), que está sob o comando do deputado licenciado Max Russi (PSB), desde os primeiros dias deste ano.

 

O defensor público Márcio Dorileo que respondia pela Sejudh voltar às funções na Defensoria, desta vez, como sub-defensor público e atuará na Defensoria Pública do Estado.

 

Os ex-secretários do governo Mauro Mendes (PSB) também já foram aproveitados pelo governo Pedro Taques (PSDB).

 

Além do jornalista Kleber Lima que assumiu a Gcom - Gabinete de Comunicação - e Suelme Evangelista na Secretaria de Agricultura Familiar (Seaf), os ex-secretários municipais Guilherme Muller e Rogério Gallo assumiram a Secretaria de Planejamento (Seplan) e a Procuradori-Geral do Estado (PGE), respectivamente.

 

Outros nomes também deverão ser nomeador por Taques como o ex-secretário de Mobilidade Urbana do Município, Thiago França, que deverá ir para a Secid (Secretaria de Cidades), Alan Porto (ex-secretário municipal de Meio Ambiente), João Batista (ex-secretário de Governo e Comunicação), Beto Corrêa (ex-secretário de Governo) e Alberto Machado (ex-secretário de Cultura), também deverão ocupar o cargo de segundo escalão no governo do Estado.

 

"Todas essas conversas já estão bastante avançadas", finalizou. 

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei
Nó de Cachorro

Nó de Cachorro

MPE pede prisão de secretário

Leonardo substitui Shinoraha

Maggi cria site de autopromoção

Secretário dá tom de despedida

Mais Notas

Últimas Notícias

Mais Lidas

Mais Comentadas