Sexta-Feira, 15 de Março de 2019, 08h:52

Tamanho do texto A - A+

Bancada tenta liberação de R$ 169 milhões e fará reunião com Mauro

Por: REDAÇÃO

Em reunião nesta quarta-feira (13/03), a bancada mato-grossense definiu que a prioridade junto ao Governo Federal será a liberação da emenda de R$ 169 milhões para a Saúde. De acordo com o líder da bancada, deputado federal Neri Geller (PP), o recurso já foi empenhado no ano passado e o esforço agora é para que o repasse seja feito ainda em abril.

Alan Cosme/HiperNoticias

neri geller

 

“Com as definições de ontem, já marcamos uma agenda para a próxima segunda-feira com o governador Mauro Mendes para tratar, primeiro, da questão da saúde em Mato Grosso. Entendemos que essa pauta é extremamente urgente e é um assunto que não pode esperar”, disse Geller.

O deputado federal citou que outro tema tratado durante a reunião foi a regulamentação da Lei Kandir. O progressista é quem está conduzindo esse processo junto ao Governo do Estado e Governo Federal.  “Estamos na fase de estudos para apresentarmos o impacto real da falta de repasse da União aos estados produtores que abriram mão do imposto sobre as exportações e, agora, precisam ser recompensados. Há 20 anos a Lei Kandir era necessária para impulsionar a produção e inserir o Brasil no mercado internacional, mas hoje, não se justifica mais”, ponderou.

Geller expôs, ainda, que os levantamentos que estão sendo feitos e servirão de base para o texto da Lei Complementar apontam para um repasse na ordem de R$ 5,6 bilhões a 6 bilhões de reais em receita para Mato Grosso. “Estamos falando de uma compensação que é direito nosso [Estado] e que tiraria Mato Grosso da crise econômica em que se encontra”.

Outros assuntos como os encaminhamentos em prol da Santa Casa de Misericórdia de Cuiabá, BR-163, utilização de terras indígenas e Reforma da Previdência também foram abordados. Estiveram presentes na reunião: os senadores Wellington Fagundes (PR), Selma Arruda (PSL) e Jayme Campos (DEM); os federais Juarez Costa (MDB), Dr.Leonardo (Solidariedade), Profª Rosa Neide (PT), Emanuelzinho (PTB) e Valtenir Pereira (MDB), que ocupa a vaga do titular Carlos Bezerra.

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei