Sábado, 13 de Abril de 2019, 08h:00

Tamanho do texto A - A+

Abílio vê números como reconhecimento e Toninho diz que é o mais lembrado

Por: LEONARDO HEITOR

Apontados como melhor e pior vereadores da Capital, Abilio Júnior, o Abilinho (PSC) e Toninho de Souza (PSD), em uma pesquisa da KGM publicada no início do mês, os parlamentares receberam de forma positiva os números divulgados por Hipernotícias. Apontado como o pior parlamentar da Câmara Municipal, Toninho preferiu analisar que é o mais lembrado pela população, enquanto Abilinho afirmou que a pesquisa é um reconhecimento de seu trabalho.

HiperNoticias

abilio junior e toninho de souza.jpg

 

De acordo com a pesquisa Omnibus KGM do mês de março, Abílio Junior está em primeiro lugar nas indicações como o melhor vereador de Cuiabá com 6%, seguido do próprio Toninho de Souza, com 4%, e Misael Galvão (PSB), com 3,8%. Mesma ordem em que os três apareceram em fevereiro, porém, com índices maiores dessa vez.

Já na lista dos piores, Toninho de Souza é o líder isolado, com 7%, seguido de Renivaldo Nascimento (PSDB), 2%, e Misael Gavão e Abílio Júnior empatados com 1,8%. Os demais citados também aparecem com menos de 1%. Para o campeão de rejeição, os números apontam que ele é o mais lembrado.

“Não é a primeira vez que isso acontece. Na outra legislatura fui eleito o melhor vereador e o pior, ao mesmo tempo. Isso significa que sou o nome mais conhecido da Câmara Municipal de Cuiabá e o mais lembrado pela população. É aquela história, falem mal, mas falem de mim. Isso é um processo natural, tanto é que fui o mais votado nas últimas eleições. Nem sei se a lembrança do melhor ou pior é algo bom ou ruim. O brasileiro tem mania de falar mal. Dificilmente você vê o brasileiro elogiando alguém. É da nossa cultura. Mas na hora da eleição, ele vota. É natural. Mesmo dizendo que não vai votar em ninguém, ele vai lá e vota”, disse Toninho.

Apontado como o melhor vereador da Casa, Abílio afirmou que vê os números da pesquisa com gratidão e reconheceu também a parcela dos outros vereadores da oposição, como Diego Guimarães (PP), Felipe Wellaton (PV), Marcelo Bussiki (PSB) e Dilemário Alencar (Pros).

“Sou cheio de falhas e tenho meus defeitos. Não sou a melhor pessoa do mundo, mas quando vemos este tipo de reconhecimento, recebo com gratidão. Mas não é só o Abílio. É a minha equipe, os outros vereadores que estão comigo, porque sem o Diego, o Wellaton, o Bussiki e o Dilemário, não faria o trabalho que faço”, afirmou.

A pesquisa Omnibus da KGM é do tipo survey, por amostragem, e ouviu 400 eleitores de todas as regiões de Cuiabá entre os dias 24 e 26 de março. A pesquisa é domiciliar, estratificada por idade, sexo, grau de instrução e faixa de renda.

Avalie esta matéria: Gostei +2 | Não gostei