Quinta-Feira, 08 de Março de 2018, 08h:30

Tamanho do texto A - A+

Policial atira em ladrão durante tentativa de roubo na Morada do Ouro

Por: LUIS VINICIUS

Um criminoso de 21 anos, foi baleado ao tentar assaltar uma policial civil, na noite de quarta-feira, na Avenida Brasil, próximo a uma agência da Caixa Econômica Federal, no bairro Morada do Ouro, em Cuiabá. O comparsa dele não foi atingido e conseguiu fugir.

 

Alan Cosme/HiperNoticias

policia civil / operação esdras

 

De acordo com informações do boletim de ocorrência, policiais do Batalhão de Rondas Ostensivas Tático Móvel (Rotam) receberam informações que uma pessoa havia sido baleada, próximo ao condomínio Morada do Parque, nas proximidades da UPA.

 

Imediatamente os militares foram ao endereço e, no local, encontraram um homem identificado como Adriano, que se identificou como sendo o marido da vítima. Rapidamente, ele entregou um revólver aos PMs e contou que a sua esposa, identificada como, K.C,S, de 27 anos, teria sido vítima de um roubo, no qual ela reagiu e baleou um dos criminosos.

 

O esposo da vítima disse que ele estava com a policial em seu veículo (modelo não especificado), quando dois homens armados se aproximaram e começaram a bater no vidro. Adriano disse que logo em seguida, os criminosos começaram a dizer que se eles não descessem logo, iriam morrer.

 

Após a ameaça, a policial sacou um revólver, atirou contra os criminosos e em seguida, arrancou com o carro para fugir de uma possível troca de tiros. A agente disse ainda que antes da dupla tentou fugir a pé, e ela notou que um dos bandidos havia deixado um revólver cair.

 

Depois do crime, os policiais da Rotam saíram em buscas na tentativa de localizar os bandidos. No entanto, durante diligências, foram informados por um homem que havia acabado de prestar socorro a uma pessoa baleada e que provavelmente ele teria sido encaminhado à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Morada do Ouro.

 

Os militares foram até a unidade de saúde, mas foram informados que a vítima do disparo foi encaminhada ao Pronto-Socorro de Cuiabá (PSMC). Os PMs se deslocaram até o local e localizou o suspeito com as mesmas características do homem informado pelas vítimas. Já o comparsa dele não foi localizado.

 

Diante dos fatos, os militares acionaram uma equipe do Sistema Prisional para acompanhar o tratamento do suspeito. O estado de saúde dele não foi informado.

 

O caso foi registrado na Central de Flagrantes. O caso será investigado pela Polícia Civil.

 

Avalie esta matéria: Gostei +6 | Não gostei

Leia mais sobre este assunto