Sexta-Feira, 21 de Abril de 2017, 15h:10

Tamanho do texto A - A+

Peritos são encaminhados para a Gleba Tucuruçu para perícia em local de chacina

Por: REDAÇÃO

Três técnicos da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) decolaram nesta sexta-feira (21), às 8 horas, do hangar do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer), da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), com destino ao distrito de Guariba, cerca de 150km de Colniza (a 1.065 km de Cuiabá), onde encapuzados teriam assassinado cinco pessoas.

 

Reprodução

chacina

 Gleba Turucuçu

De Guariba até o local do crime, na localidade de Taquaru do Norte, são mais 200 km em mata fechada e estradas com atoleiros e 15 minutos de barco ou 18 km a pé, por isso não é possível precisar que horas os peritos chegarão para iniciar os trabalhos.

 

Na quinta-feira (20), equipes da Polícia Judiciária Civil e da Polícia Militar se deslocaram para gleba. Por volta das 17 horas, profissionais da Polícia Judiciária Civil chegaram, em Guariba, último local com sinal telefônico. Lá encontraram familiares das vítimas que informaram que cinco pessoas foram mortas. Não há crianças entre as vítimas.

 

Um helicóptero, que está em Juína, não se deslocou até à área, pois a aeronave não tem autonomia de vôo até o local. Então, uma equipe da Força Tática de Juína foi enviada para o local do crime por terra.

 

Leia também:

Polícia segue com trabalho em Colniza e 3 nomes de possíveis vítimas são divulgadas

Pistoleiros matam crianças, mulheres e agricultores em gleba; 10 vítimas no total

Segurança manda policiais de Cuiabá para investigar pistoleiros que mataram 10 em gleba

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei