Segunda-Feira, 14 de Agosto de 2017, 15h:55

Tamanho do texto A - A+

‘Operação Cerco Total’ leva às ruas reforço de quase 400 policiais militares

Por: REDAÇÃO

A ‘Operação Cerco Total’, lançada na manhã desta segunda-feira (14.08) pelo secretário de Segurança Pública, Rogers Jarbas, e o comandante da Polícia Militar, coronel Marcos Vieira Cunha, está levando às ruas um reforço de quase 400 policiais e 160 viaturas em diversos municípios.

 

PMMT

Rogers Jarbas

 

Em Cuiabá, o lançamento ocorreu às 8hs, na Avenida Rubens de Mendonça. Equipes de unidades especializadas como: Rotam, Regimento Montado (Cavalaria), Trânsito e Força Tática estarão nas ruas atuando conjuntamente com guarnições do policiamento ordinário.

 

As modalidades de policiamento incluem, entre outras ações, a ‘saturação’, que consiste em concentrar o máximo possível de policiais em uma determinada área fazendo abordagens, buscas e checagens.

 

O principal objetivo das ações é levar maior sensação de segurança à população por meio da prevenção e repressão aos roubos, tráfico de droga e homicídios. Para isso, a Polícia Militar está fortalecendo os bloqueios, buscas veiculares e pessoal, principalmente nas áreas de maior incidência de crimes.

 

O comandante da PM-MT, coronel Cunha, explica que esse é um policiamento orientado e com ações pontuais. A PM faz a análise criminal a partir das estatísticas e demandas. Daí, com base nos dados, traça as estratégias para o bairro ou determinada região.

 

De acordo com Cunha, a ‘Cerco Total’ está sendo estendida para Várzea Grande e diversas cidades do interior. Em Sinop e Sorriso, por exemplo, a operação ganhou o nome de ‘Sinop Segura’ e Sorriso Segura’.

 

O secretário de Segurança, Rogers Jarbas, destacou a produtividade gerada pela atuação da Polícia Militar comparando dados estatísticos. “Em todo ano passado a PM fez 13 mil prisões, número que já atingimos no primeiro semestre deste ano”, citou.

 

Rogers também abordou números de apreensão de armas e de drogas que, segundo a Sesp, também aumentaram em 30% e 10%, respectivamente. O secretário destacou a importância da intensificação do policiamento ostensivo, da presença forte da PM nas ruas, como forma de prevenir crimes e aumentar a sensação de segurança da população.

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei - 2

Leia mais sobre este assunto