Terça-Feira, 08 de Agosto de 2017, 15h:50

Tamanho do texto A - A+

Motociclista pediu três salgados e esperou vítima virar de costas para matá-la

Por: MAX AGUIAR

Policiais da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) estão à procura de pistas que possam levar ao assassino do vendedor de salgados Nivaldo Francisco de Araújo, 58 anos, que foi executado com quatro tiros na madrugada desta terça-feira (8), dentro de sua casa, no bairro Cristo Rei, em Várzea Grande. 

 

Reprodução

dhpp

 

Segundo a delegada Silvia Virgínia, que será a responsável pelo inquérito do caso, a esposa da vítima assistiu o crime. Ela disse que às 05h40 um homem de moto bateu à sua porta pedindo três salgados. 

 

"Era normal isso acontecer. Eles vendem salgados muito cedo e por lá sempre têm vários clientes. Por isso o homem saiu da casa para atender o possível cliente", explicou a delegada ao HiperNotícias. 

 

Posterior ao atendimento, o motociclista ficou do lado de fora do portão aguardando os salgados. Quando Nivaldo retornou com o pedido, ele o pegou e esperou a vítima virar-se de costas para atirar. 

 

"Ainda não temos informações se o criminoso pagou o salgado e depois atirou, ou se ele esperou apenas a vítima ficar de costas para o matar. Sabemos que o senhor Nivaldo era bem querido no bairro e não tinha inimigos. Ainda estamos em busca de imagens que nos ajude a identificar o autor do homicídio. Como era madrugada, tinha pouca gente na rua, por isso estamos tentando recursos de video monitoramento para tentar chegar ao criminoso", disse a delegada. 

 

A reportagem tentou contato com a família enlutada, porém ninguém quis comentar o assunto por enquanto. Um familiar que atendeu o telefonema disse apenas que aguarda que "Justiça seja feita". 

Avalie esta matéria: Gostei +5 | Não gostei - 4

Leia mais sobre este assunto