Terça-Feira, 18 de Abril de 2017, 08h:43

Tamanho do texto A - A+

Jovem não paga programa sexual de travesti, apanha e tem celular roubado

Por: CAMILLA ZENI

Uma travesti foi presa na noite desta segunda-feira (17) acusada de roubar o aparelho celular de um rapaz após ele descumprir um combinado. Ela teria feito um programa sexual com o jovem, pelo valor de R$100, e ele teria se recusado a pagar. Por esta razão, ela pegou o celular. O rapaz, então, procurou a polícia.

 

Reprodução

policia

 

Conforme informações do boletim de ocorrência, a Polícia Militar foi chamada para atender a uma ocorrência no bairro Jardim Glória, em Várzea Grande, por volta das 23h desta segunda-feira, na qual a vítima, Wellinton Rodrigues de Souza, de 21 anos, relatou um roubo de celular. 

 

Após rondas pela região do fato, a suspeita não foi encontrada. Então, a viatura da PM foi deslocada para atender a outra ocorrência no bairro Jardim dos Estados. Nesse tempo, porém, Wellinton continuou procurando pela autora do crime, que foi localizada em frente a Rodoviária de Várzea Grande, e tornou a ligar para o 190.

 

Assim, a Policia Militar foi até o local, onde encontrou Vinícius Henrique do Amaral Miranda, de 21 anos, cujo nome social é Victoria Laise. Ao ser questionada sobre o crime, a travesti relatou aos policiais que havia combinado um programa sexual com o rapaz, pelo valor de R$100, e que, após o ato, este teria se recusado a pagar, descumprindo o combinado. Por esta razão, ela teria ficado com o celular da vítima.

 

Ainda conforme o relato da suspeita, Wellinton chegou a pegar o celular de volta, no primeiro momento, e ambos entraram em luta corporal, que resultou em escoriações na vítima e na suspeita.

 

Diante dos fatos, ambos foram encaminhados para a Delegacia, onde deverão prestar esclarecimentos.

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei - 1

Leia mais sobre este assunto