Sexta-Feira, 09 de Novembro de 2018, 16h:17

Tamanho do texto A - A+

Grávida de 9 meses perde bebê e acusa médica de negligência

Por: JESSICA BACHEGA

O irmão de uma gestante registrou boletim de ocorrência contra uma médica de Guarantã do Norte a acusando de negligência. O  suposto mal atendimento da profissional resultou na morte do bebê, ainda no ventre da mãe.

 

Reprodução

pré-natal gestante grávida

 Foto ilustrativa

Segundo o documento registrado na noite desta quinta-feira (8), a grávida C.A.P. realizou consulta com a médica A.P.T., no Hospital Nossa Senhora do Rosário, no dia 6, deste mês. Após um atendimento rápido, a servidora pediu que a gestante realizasse um ultrassom e retornasse à unidade no dia 7 ou 8, para que combinassem o parto, uma vez que a mulher já estava com quase nove meses de gravidez.

 

Sem realizar qualquer exame que atestasse o estado de saúde do bebê no ventre, a mulher foi para casa e no dia 8 realizou o procedimento solicitado, no qual foi constatado que a criança estava morta há pelo menos um dia.

 

A mulher voltou ao hospital às 11h, sendo atendida às 12h50. Após horas de espera e nenhuma resposta da médica acusada, a gestante foi submetida à cirurgia, por volta das 20h, para retirada do bebê morto.

 

O boletim foi registrado para que sejam tomadas as medidas cabíveis.

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei