Domingo, 04 de Fevereiro de 2018, 09h:00

Tamanho do texto A - A+

Detento é encontrado morto em presídio de Cuiabá; polícia acredita em briga de facções

Por: LUIS VINICIUS

O detento, Ronaldo Almeida, de 29 anos, foi encontrado morto dentro de umas das celas do raio 3, da Penitenciária Central do Estado (PCE), na tarde de (03), em Cuiabá. A polícia acredita que o presidiário tenha sido morto durante uma rixa das facções criminosas Comando Vermelho e do Primeiro Comando da Capital (PCC).

 

Reprodução / TVCA

penitenciaria central do estado

 

De acordo com informações, os agentes foram acionados por outros detentos que informaram que havia um homem morto dentro de umas das de uma das celas do raio.

 

Após a denúncia, os agentes foram ao local e encontraram Ronaldo morto, porém sem sinais de violência ou ferimentos.

 

Policiais civis da Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) foram ao local para a liberação do corpo e o início das investigações.

 

Os policiais acreditam que o detento pode ter sido morto, após ser abrigado a tomar a bebida em que os presidiários denominam “Gatorade” (bebida artesanal feita com leite, cocaína, veneno de ratos e caco de vidros).

 

O corpo de Ronaldo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para exames de necropsia.

 

O detento era natural de Rondonópolis (215 km ao Sul de Cuiabá). Ele respondia pelos crimes de assalto a mão armada e homicídio e estava desde janeiro na PCE.

Avalie esta matéria: Gostei +9 | Não gostei - 1

Leia mais sobre este assunto