Domingo, 04 de Fevereiro de 2018, 08h:30

Tamanho do texto A - A+

Sefaz debaixo de água

Reprodução

goteira sefaz

 

Servidores da Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz) têm trabalhado em um mar de goteiras, literalmente. As fortes chuvas que caem sobre Cuiabá nos últimos dias têm causado infiltrações e verdadeira cachoeiras nas salas da Pasta. Em fotos e vídeos feitos pelos servidores é possível ver o chão coberto por panos e baldes para conter a água e evitar que se alastre por todo o chão. A umidade sobre os armários de arquivos colocam em risco também documentos armazenados na secretaria. 

Avalie esta matéria: Gostei +2 | Não gostei



3 Comentários

Marcia - 08/02/2018

O balanço do Estado apurou R$300 milhões de superavit em 2014. De 2015 para frente só apurou déficit. Não administra e gasta mal.

Carlos Nunes - 06/02/2018

Ih! Debaixo d'água ficou a Sefaz, a casa do Sr. Ador, e conseguiram afundar MATO GROSSO inteiro. A vaca das Finanças Públicas foi parar no meio do brejo atolada até o pescoço. Agora precisamos de um novo Governador, que retire a vaca do brejo. Mato Grosso ficou falido. Quem será esse herói ou heroína pra gente cravar o voto na próxima eleição? Vai ser difícil achar...Tem que recuperar MT sem ferrar o povo. E assim que assumir, tem que fazer uma Auditoria desse Governo, investigar Grampos, Pedaladas, desequilíbrio das finanças, e abrir muitas caixas pretas.

Benedito Addôr - 05/02/2018

E eu que pensei que só fosse aqui em casa, na Ilha da Banana, onde a demolição das casas geminadas e do Centro Comercial Morro da Luz, a marretadas e com máquinas pesadas, quase colocaram a casa para baixo. Conseguiram derrubar uma árvore em cima dela, o que destelhou do corredor até os fundos. Agora chove mais dentro da casa do que fora. Empatou com a Sefaz? Não, ganhou da Sefaz de dez a zero.

INíCIO
ANTERIOR
PRÓXIMA
ÚLTIMA