Sexta-Feira, 13 de Outubro de 2017, 07h:48

Tamanho do texto A - A+

Exonerado

Um servidor da Câmara Municipal de Cuiabá, exonerado pelo presidente Justino Malheiros (PV) nesta segunda-feira (9), afirmou que não “fazia ideia” dos últimos acontecimentos. Valter Yoshinobu Yamaguchi, conforme apurou a reportagem, trabalharia no gabinete do vereador Misael Galvão (PSB). Yamaguchi também faz parte do quadro de funcionários de uma panificadora conceituada em Cuiabá. A reportagem entrou em contato com Yamaguchi, mas este afirmou que “não estou sabendo disso, não”. Interpelado se ele não teria conhecimento de sua exoneração ou que trabalhava na Câmara, ele esquivou-se e desligou o telefone. “Não tenho nada de conhecimento a respeito disso. Não sei nem do que você está falando. Ok, obrigado”, arrematou.

Avalie esta matéria: Gostei +7 | Não gostei



1 Comentários

Critico - 13/10/2017

Isso é a prova de cabo de emprego. Deverá ser investigado tos os exonerados, de forma individual Com certeza vai ter mais "japoneses".

INíCIO
ANTERIOR
PRÓXIMA
ÚLTIMA