Segunda-Feira, 12 de Fevereiro de 2018, 10h46
CRIME FOI DESCOBERTO PELOS PAIS
Dentista é preso suspeito de estuprar e passar DST a menino de 12 anos

LUIS VINICIUS

O dentista, M.F.O.S, de 29 anos, foi preso pela Polícia Militar, em Cuiabá, suspeito de estuprar e transmitir Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) a um menino de 12 anos, no município de Vera (486 quilômetros de Cuiabá). O crime foi descoberto pelos pais da vítima e o suspeito confessou o crime.

 

Alan Cosme/HiperNoticias

dedica

 

De acordo com informações da Polícia Militar, a vítima foi levada pelo pai ao hospital há 15 dias, por reclamar de dores na região anal. Na sexta-feira (9), quando o resultado do exame saiu, o abuso sexual foi descoberto.

 

No resultado, ficou evidenciado que houve a transmissão de uma DST para a vítima, entre quatro e seis meses atrás.

 

Após a confirmação do exame, o pai da vítima conversou com o menino que afirmou estar sendo abusado pelo dentista. Diante disso, o homem foi até a Central de Flagrantes de Cuiabá e registrou a denúncia.

 

Diante disso, no sábado (10), quando o suspeito apareceu na casa da mãe, onde ele fica durante a pós-graduação em Odontopediatria, o pai do menino ligou para a Polícia Militar, que conduziu o rapaz até a delegacia.

 

Ao delegado plantonista, M.F.O.S, assumiu ter abusado do garoto quando ele tinha sete anos e, depois de prestar depoimento, foi liberado por não configurar flagrante.

 

O menino passou por exames de corpo de delito e o caso passa a ser investigado pela Delegacia Especializada dos Direitos da Criança e do Adolescente (Dedica).


Fonte: HiperNotícias
Visite o website: http://hipernoticias.com.br