Quinta-Feira, 26 de Julho de 2018, 14h:23

Tamanho do texto A - A+

Participantes perdem 70 kg em programa de emagrecimento

Aplausos, lágrimas e abraços apertados resumem o clima do encerramento da segunda turma do Superação, programa de saúde do Viver Bem, núcleo de medicina preventiva da Unimed Cuiabá, na terça-feira (24). No total, 11 beneficiários participaram do programa de emagrecimento saudável. Juntos, os participantes chegaram a perder cerca de 70kg, além de mais de dois metros em medidas.

 

Divulgação

viver bem superacao

 

“Em seis meses, os participantes aprenderam sobre alimentação e hábitos saudáveis, a importância da prática de exercícios físicos e o emagrecimento foi uma consequência”, disse a psicóloga Thaís Piovezan.

 

O programa é destinado aos beneficiários da Unimed Cuiabá que estejam buscando por emagrecimento saudável. O principal objetivo do Superação é diminuir os riscos de doenças associadas à obesidade.

 

Os laços de amizade firmados durante o programa foram destacados. Para Vânia Ramon da Cruz, de 53 anos, representou uma grande motivação. Depois de uma vida lutando contra a balança e tomando remédios para emagrecer, Vânia Ramon decidiu seguir o conselho de sua médica.

 

“Ela sugeriu que eu procurasse um programa de emagrecimento em grupo. Tive uma parada cardíaca e problemas de pressão alta, hoje me sinto bem e saudável”, disse.  Vânia emagreceu 12kg durante as atividades do programa, sendo a participante da segunda turma do Superação que mais perdeu peso.

 

Nilda Souza de Arruda, 55 anos, também exalta a cumplicidade entre os coordenadores e integrantes da equipe como um dos pontos fortes do programa de emagrecimento. “É uma maneira divertida de perder peso. No começo é difícil, achamos que não iremos dar conta, mas quando os resultados começam a aparecer é maravilhoso”, contou.

 

Resultados

 

De acordo com balanço realizado pela equipe do Superação, os participantes conseguiram ultrapassar a média de redução de peso de 5%, estabelecida pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

 

“Uma perda de 5% do peso inicial já traz uma melhora significativa do ponto de vista da saúde. Todos conseguiram, pois, a média final foi de 7%”, explicou a endocrinologista Aline Piccinin.

 

Os exames bioquímicos recentes dos participantes também mostraram redução de 56% do colesterol ruim (HDL) e 17% de aumento do colesterol bom (HDL).

 

No período foram dez encontros, com duração de 20 horas, além de 24 desafios superados pelos integrantes do Superação. No início de cada turma, os participantes recebem um jogo de tabuleiro, onde cada conquista representa uma pontuação.

 

As conquistas envolvem presença nas atividades físicas e encontros do grupo, além de outras metas do projeto.

 

Avalie esta matéria: Gostei +6 | Não gostei