Domingo, 18 de Junho de 2017, 14h:03

Tamanho do texto A - A+

Aluguel por temporada: ótima opção para economizar sem perder o conforto

Por: RAYANE ALVES

Alugar um imóvel para passar uma temporada ou o feriadão é uma prática cada vez mais comum entre os viajantes, especialmente aqueles que querem curtir a vontade e gastar menos. Isso porque a locação de um imóvel costuma sair mais barata do que a diária de um hotel, além de oferecer outras comodidades.

 

Hoje as pessoas já estão pensando duas vezes antes de se hospedar em um quarto de hotel devido ao baixo custo das locações temporárias, porque o valor acaba se tornando mais atrativo, além de o contrato ser feito de forma direta entre proprietários e interessados, com possibilidade de negociar valores, descontos e formas de pagamento.

 

Divulgação

casa marcelo chapada

Aluguel de casas de temporada sai mais em conta na hora de viajar com a família

Para se ter uma ideia, o pacote de Carnaval em uma casa em Chapada dos Guimarães fica em torno de R$ 4 mil, para acomodar 12 pessoas. Enquanto isso, as pousadas da região cobram R$ 2 mil por casal, o que daria R$ 12 mil para acomodar as mesmas 12 pessoas.

 

Outra vantagem apontada por pessoas que já fizeram essa troca é que há mais privacidade em uma casa do que em um quarto de hotel ou pousada. Além disso, ser um 'morador de temporada' proporciona ao visitante outro contato com a cidade, mais pessoal e aconchegante.

 

De olho nesta tendência, o economista Marcelo Lima resolveu investir em um imóvel de quatro quartos em Chapada dos Guimarães (distante 65 km de Cuiabá), que ele aluga para hospedagem. A casa comporta 12 pessoas, com diárias entre R$ 600 e R$ 800 (confira fotos aqui).

 

“É um custo individual extremamente reduzido pela estrutura que oferecemos. Temos mesa de sinuca, pebolim e pingue-pongue, wi-fi, piscina, churrasqueira e TV a cabo, além de aceitarmos animais de estimação”, explica o economista, lembrando que as diárias em hoteis da região variam entre R$ 150 a R$ 280 por casal. 

Divulgação

casa marcelo chapada

Casa de Marcelo tem piscina, salão de jogos e capacidade para acomodar 12 pessoas 

A empresária Deranice Souza é uma das pessoas que prefere contratar este tipo de serviço. Ela decidiu passar a virada do ano com a família em uma chácara alugada e diz que o preço saiu em conta, se comparado com as despesas que ela teria em quartos de hotéis para acomodar todo o pessoal, fora o custo no supermercado. 

 

"Nesses casos a gente também não precisa se prender a horários de café da manhã, check-in e check-out. No caso de casas, a gente pode acordar comprar pão, conhecer vizinhos e até receber dicas de programas locais fugindo do padrão turístico que todo mundo já está cansado de fazer", comentou. 

 

OUTRAS VANTAGENS

Espaço: A maioria dos imóveis para temporada acomodam facilmente uma família ou duas. Na maioria dos apartamentos de um quarto, por exemplo, além da cama, sempre há um confortável sofá-cama a disposição e até espaço para colchões. Você ainda pode optar por imóveis de dois e três quartos e pagar mais barato que pequenos quartos em hotéis. Essa facilidade de acomodar todos juntos em um mesmo imóvel acaba tornando as férias em família num momento inesquecível.

 

Animais: Nem todos os proprietários aceitam animais de estimação, às vezes até por regras do condomínio. Acontece que imóveis para temporada que aceitam animais são bem comuns. Melhor que deixar seu animal sozinho em casa ou nas mãos de um conhecido, é trazer ele pra passar as férias junto com a família.

 

Economia: Geralmente é mais barato alugar um imóvel, ainda mais se várias pessoas forem dividir as contas. Além disso, não será necessário fazer todas as refeições em restaurantes, pois as casas geralmente oferecem todos os utensílios domésticos.

 

Conforto: Esses imóveis são alugados com todo conforto necessário para quem vai fazer uma viagem de férias. Utensílios de cozinha e televisão são itens que sempre estão presentes, e muitos imóveis oferecem piscina particular.

Avalie esta matéria: Gostei +2 | Não gostei - 1

Leia mais sobre este assunto