Sexta-Feira, 09 de Dezembro de 2016, 10h:38

Tamanho do texto A - A+

O Circo Peregrino chegou na cidade

Operação Sória faz apresentação na sexta-feira, dia 09 de dezembro de 2016.

Por: REDAÇÃO

No dia 09 de dezembro de 2016, o grupo Operação SóRia organizará uma apresentação no Centro Cultural Casa Cuiabana as 20h30. O intuito do espetáculo é angariar fundos para a terceira edição do “Mochilão pela América” que acontecerá em janeiro de 2017.

 

A cultura do palhaço no hospital aparece desde meados dos anos 20 ou 30 nos EUA. Em Cuiabá, no ano de 2010, um palhaço, Juninho Carvalho, ou Mocorongo, juntou uma turma de amigos e os treinou para levar a arte da palhaçaria para os hospitais cuiabanos. Surge o “Operação SóRia”. Desde então, Juninho e sua esposa, Thainá Telles (Estrela), se organizam para fazer a escola “Operando e SóRindo” ao menos uma vez ao ano com o objetivo de levar mais palhaços para os hospitais da capital mato-grossense.

 

A primeira edição do “Mochilão pela América” aconteceu dos dias 05 a 27 de janeiro de 2015. Oito palhaços percorreram o Paraguai, Argentina e Uruguai de van e levaram a palhaçaria para hospitais, creches, asilos e ruas na América Latina. A segunda edição aconteceu dos dias 03 a 25 de janeiro de 2016, em que 12 palhaços fizeram seu trabalho nos hospitais e ruas Peruanas e Chilenas.

 

No ano de 2017, 15 palhaços partirão para a Colômbia e levarão para Bogotá, sorrisos e muita risada.

 

Considerando o valor da viagem e que todos os artistas serão voluntários e custearão suas próprias viagens, foi criado o espetáculo “Circo Peregrino”. O valor de ingressos será repassado para ajudar os artistas a pagar as passagens de avião e a se manterem no País durante os trabalhos. O valor do ingresso é R$15,00 e pode ser comprado na hora.

 

O espetáculo “Circo Peregrino” acontecerá no dia 09 de dezembro de 2016 e contará com a presença do Palhaço Mocorongo e Palhaça Estrela, Palhaço Alberico (Mateus Sousa), Palhaço Pancho (Franciso Cória), Palhaça Pisquila (Aninha Addor), Palhaça Bijou (Elisa Calvete), Palhaça Fuzilla (Rosângela Fuschio), Palhaça Pata Choka (Dyandra Quevedo) e muitas outras atrações. O grupo Operação SóRia já formou mais de 100 palhaços em seus seis anos de existência. Além dos trabalhos voluntários no hospital, que é o principal foco do grupo, os clowns também participam de eventos, palhaçaria nas ruas, creches, lar de idosos.

Avalie esta matéria: Gostei +1 | Não gostei

Leia mais sobre este assunto