Quinta-Feira, 13 de Julho de 2017, 09h:25

Tamanho do texto A - A+

Juntando duas vidas

Por: MIRELLA CARVALHO

Mirella Carvalho

 

No que dá quando se junta duas vidas?

Dá amizade? Dá namoro? Dá casamento?

Mas pra dar tudo isso, tem que ter cumplicidade, tem que ter amor.

Casamento é bem mais que vestido branco, igreja e festa. 

 

Casamento é só sorriso? 

Igual comercial de margarina, na televisão?

Igual foto que a gente vê em rede social?

Igual vendem nas novelas e nos filmes?

 

E quando a gente tá de mau humor, como faz?

Quando ele esquece a tampa do vaso levantada?

Ou esquece de lavar a louça?

E nos dias que a TPM aperta, e nem chocolate acalma?

 

Tem dias que tudo acorda do avesso, e vai fazer o que?

Amor é pra hora da dor, também.

Casamento é parceria até quando nem tudo vai bem.

Na saúde, na doença, na riqueza e na pobreza.

 

E isso é que faz dele tão intenso...

Saber que vai ter uma pessoa ali, pra você, por você.

E você vai estar ali por alguém,

aconteça o que acontecer.

 

Em tempos de sentimentos tão efêmeros,

cultivar um sentimento pra vida é saber que ele vai te machucar, vez em quando.

Mas não é por querer, não.

Do mesmo jeito que você pode fazê-lo chorar, vez ou outra... Acontece!

 

Mas passa. E o que fica fortalece.

O amor.

O amor é o que fica. É o que sempre fica. 

É o que sempre fortalece. 



Mirella Carvalho não teve vestido branco, nem igreja ou festa (ainda), mas acredita que a parceria e a paciência são essenciais para fortalecer o amor. E é isso que ela tenta exercitar diariamente.

Avalie esta matéria: Gostei +7 | Não gostei