pesquisas

Quarta-Feira, 19 de Outubro de 2016, 18h:09

Tamanho do texto A - A+

Eduardo e o xilindró

Alguém duvida que o Sr. Eduardo Cunha ficará um bom tempo enjaulado, a exemplo dos inúmeros outros presos preventivamente pelo Juiz Sérgio Moro?

Por: LUCIANO PINTO

Marcos Lopes

Luciano Pinto

 

O tema era outro, confesso. Quando estava enviando o artigo semanal para o Hiper surge a noticia de que o ex-deputado Eduardo Cunha foi preso pela Policia Federal em Brasília, por ordem do titular da Operação Lava-Jato na República de Curitiba, Juiz Sergio Moro. Dizem que o ex-deputado já estava com a mala pronta, alinhado no seu terno e gravata, a esposa do fato inadiável. Não poderia deixar de alinhar uma breve análise jurídica desse pitoresco fato, mas de certa forma rotineiro de uns tempos pra cá.

 

O Juiz Sérgio Moro há poucos dias recebeu do STF, toda a documentação que envolvia o então Deputado Eduardo Cunha. Devido ao foro privilegiado enquanto deputado, este senhor estava sob os auspícios da mais alta corte do Poder Judiciário. Inobstante a existência de pedido de prisão pela Procuradoria Geral da República, há muito tempo aviado, até então não havia sido enfrentado pelo então magistrado Relator Ministro Teori. O pedido encarado e deferido, foi o afastamento do deputado da Presidência e do exercício da função de Deputado Estadual.

 

Agora, de posse de toda a documentação, no exercício regular do Poder Jurisdicional, o Juiz Sérgio Moro bate o martelo na mesa, e numa penada decreta a prisão do ex-parlamentar, elencando inúmeros motivos que justificariam essa medida. Não deixou de destacar, em sinal de respeito (e vassalagem), que mormente já presente o pedido quando no STF, o réu estava acobertado pela garantia parlamentar da impossibilidade de prisão, exceto em flagrante delito. Delcídio que o diga.

 

Além da prisão, também fora decretada a indisponibilidade de bens do Sr. Eduardo Cunha na cifra de duzentos e vinte milhões. Isso é trabalho pra mais de metro pros advogados, que certamente já previam o destino funesto do ex-parlamentar.

 

Alguém duvida que o Sr. Eduardo Cunha ficará um bom tempo enjaulado, a exemplo dos inúmeros outros presos preventivamente pelo Juiz Sérgio Moro? Se isso é jurídico ou não, a prática de inversão da ordem processual atual continua a perpetuar no nosso Brasil. Agora, é certo, ele ganha a prioridade na tramitação dos seus processos, já que os feitos de réu preso são privilegiados com essa preferência.

 

Tem muito parlamentar que está bem esperto, e agora, mais do que nunca, realmente exercendo a função parlamentar, colocando os temas importantes em votação, ou seja, mostrando serviço aos seus eleitores. O grande pesadelo agora é deixar de ter mandato, mas a razão deixou de ser a teta mamada, e sim a cadeia temida.

 

Vamos acompanhar.

 

 

*LUCIANO PINTO é advogado do escritório LP Advocacia. Email: luciano@lpadvocacia.com.br

Avalie esta matéria: Gostei +1 | Não gostei








1 Comentários

Carlos Nunes - 20/10/2016

E viva o Eduardo Cunha! Nosso herói-bandido; já entrou pra história do Brasil, despachando um governo que queria ficar pelo menos uns 40 anos no Poder. Agora vem a segunda parte: foi preso, vai fazer delação premiada, e vai mandar muitos lobos em pele de cordeiro pra cadeia. O Cunha, com certeza, é "as linhas tortas de DEUS". Diariamente milhões de brasileiros rezam, oram, para que DEUS tome providências; aí DEUS não manda Anjos, pois esses são puros, pega que está de prontidão...escolheu o Eduardo Cunha, colocou-o no lugar certo, na hora certa, só para cumprir uma missão. O Hélio Bicudo e os companheiros fizeram o pedido do Impeachment, que chegou nas mãos do Cunha, e ele ficou num dilema: engaveto ou não engaveto? Ora, a Dilma dizia que a época do engavetamento já tinha terminado no Brasil; e o Cunha não engavetou. É evidente que o Hélio Bicudo é "as linhas certas de DEUS"; só faltava as linhas tortas para completar a obra. Só agora alguns Centros Espiritualistas informaram que, JESUS tinha dado pró Brasil 50 anos para endireitar as coisas, e esse prazo termina agora em 2019 - o negócio vai piorar, o que não endireitou por Amor, vai endireitar pela Dor. Os planos de DEUS para o Brasil são muito mais importantes do que os planos dos homens. Hélio Bicudo, Eduardo Cunha, conscientes ou inconscientes, são instrumentos de DEUS. Já o Sérgio Moro é mais especial ainda, esse é executor da Justiça. O cara na gravação, acertou quando disse que: PF, MP, Gaeco, Sérgio Moro, eram enviados de DEUS. Já tem 3 exércitos lá de cima tomando conta do Brasil. As coisas vão mudar.

INíCIO
ANTERIOR
PRÓXIMA
ÚLTIMA

Leia mais sobre este assunto

Nó de Cachorro

Nó de Cachorro

Prefeito ora por VLT

Silval delator

Contas bloqueadas

Problema do MPF

Mais Notas

Últimas Notícias

Mais Lidas

Mais Comentadas