Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 15h:30

Tamanho do texto A - A+

Universidade de Cuiabá anuncia demissão de professores via e-mail e causa revolta

Por: FELIPE LEONEL

A Universidade de Cuiabá (Unic) teria anunciado a demissão de mais de 20 professores do curso de Direito. O anuncio teria ocorrido na sexta-feira (2), solicitando aos professores para comparecerem, impreterivelmente, na unidade de ensino, nesta segunda (5), para assinarem o aviso prévio. O que chama atenção no caso é que a demissão ocorreu via internet. Toda essa situação gerou indignação de alunos e professores.

 

Divulgação

unic/universidade de cuiabá

 

A ação vai contra a inciativa de alguns estudantes do curso, que realizaram um abaixo-assinado em 2017, protocolado na Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional de Mato Grosso (OAB/MT), no qual pedia melhorias no ensino do curso de Direito. Alguns professores demitidos utilizaram as redes sociais para “agradecer” o tempo de instituição e lamentar.

 

A professora Clarisse Bottega foi uma das professoras que lamentaram o “divórcio” da relação de quase 15 anos de história. “Hoje me divorciei da Unic. Ou melhor, a Unic me ‘largou’. Fui expulsa de casa e não cabe Maria da Penha”, afirmou a professora, em postagem realizada no seu perfil no Facebook.

 

Bottega ainda destacou que a separação “é absoluta” e disse que sentirá falta dos alunos. “Divórcio é assim mesmo. Geralmente uma das partes sai mais magoada e machucada que a outra. Talvez tenha sido culpa da sogra", lamentou a professora, sobre a demissão anunciada via e-mail.

 

Alguns alunos também não gostaram da demissão dos professores e classificou a atitude como “arbitrária”. Segundo o aluno do curso de Direito, Vinicius Ferreira, o grupo Kroton, dono da Unic, devera repensar os critérios na hora de demitir seus quadros. Ainda segundo Ferreira, a forma que a demissão ocorreu revela a ‘falta de respeito com os professores e alunos’.

 

“Isto demonstra outro plano espúrio, que é a intensificação de disciplinas online ao invés de presencial. O grande problema dessa metodologia é que o conteúdo é deficiente, fora do contexto daquilo que o mercado de trabalho vai exigir de nós, e trata de assuntos importantes com pouca profundidade”, denunciou o estudante.

 

Outro lado

 

 

A Universidade de Cuiabá informou que são 15, o número de profissionais que estão sendo desligados da instituição. Ainda afirmou que iria apurar a forma de comunicação dos professores. Veja a nota na íntegra:

 

 

 

A Unic informa que 15 docentes estão sendo desligados da instituição. Historicamente, aos finais de semestre, ocorrem desligamentos e novas contratações em função de mudança de disciplinas ofertadas, o que exige ajustes no quadro de professores. No que se refere a forma como foram realizados nesta situação, a instituição esclarece que está apurando os fatos e que, com 30 anos de história, sempre priorizou e tem extremo respeito pelos seus colaboradores.

Avalie esta matéria: Gostei +3 | Não gostei - 3

Leia mais sobre este assunto