Quinta-Feira, 28 de Junho de 2018, 16h:13

Tamanho do texto A - A+

Solidariedade tempera feira gastronômica na Festa de São Benedito

Por: REDAÇÃO

O que há por trás dos deliciosos sabores que permeiam as barracas da Festa de São Benedito não é segredo: quem está pelos bastidores traz consigo ingredientes pra lá de especiais – carinho e gratidão. Para dar conta de cerca de 1.500 pratos por dia, quantidade que pode vir a dobrar no sábado e domingo, centenas de pessoas se voluntariam para as mais variadas tarefas culinárias. A festa tem início nesta quinta-feira (28.06) e segue até domingo (1.07), em Cuiabá.  

 

Reprodução

Festa são benedito

 

Na missão de preparar o prato oficial do evento – a tradicional Maria Izabel acompanhada por farofa de banana e tutu de feijão –, um time de quase 30 voluntários da comunidade assumem o comando da cozinha. Junto com uma equipe bastante empenhada de mais de 100 pessoas, eles se revezam em turnos para deixar tudo pronto para o evento – que, por sua vez, contou com doações prévias de alimentos destinados pela população.

 

A feira gastronômica também contará com oito barracas da família por noite. Entram em cena, de forma alternada, quitutes como costelinha de porco, sarapatel, carne seca com banana verde, revirado de carne, bobó de galinha, espetinho de carne, estrogonofe de frango e carne, arroz a braga, frango surpresa, feijoada, macarronada de frango, mini pizza, risoto de frango, vatapá de peixe e camarão, panqueca de carne e frango, açaí, fricassê de frango, pastel, crepe, caldos, tortas e doces.

 

De acordo com Anna Edir Akerley Bumlai, de 76 anos, que foi rainha da festa em 1994, participar das barracas das famílias na Festa de São Benedito é uma honra e, acima de tudo, sinônimo de fé e doação das famílias.

 

“São Benedito é milagroso. O que vemos na festa é devoção e amor por parte de todos os participantes. No início, tivemos que convidar as famílias mais antigas e os festeiros para colocarem barracas. Hoje, todos querem participar de alguma forma. Já estamos com oito famílias por noite. A dedicação é muito grande. Tem pessoas ‘de idade’ até mais jovens. Meus netos já participaram”, destaca Anna Edir, que é uma das coordenadoras das barracas das famílias.  

 

SOLIDARIEDADE – Conforme explica o rei da Festa de São Benedito, Niuan Ribeiro, para além da dedicação e do voluntariado, os participantes [público, apoiadores e equipe] também estarão contribuindo com projetos sociais, bem como com a preservação e manutenção da Capela de São Benedito e Igreja Nossa Senhora do Rosário, que é considerada patrimônio histórico. Isto, com a doação do lucro arrecadado na festa obtido com a venda das comidas e itens do bazar. 

 

“Esse valor será revertido para ajudar 20 comunidades, que abrangem desde a região do centro de Cuiabá até áreas rurais. Ao mesmo tempo, a Igreja não recebe nenhum tipo de incentivo. Logo, parte da doação é para as despesas voltadas para conservação de sua estrutura. Mas, as contribuições com alimentos continuam durante todo o ano. Inclusive, a festa encerra no domingo, mas seguimos com jantares sociais, todas as terças, com exceção da próxima semana”, comenta.

 

FESTA DE SÃO BENEDITO – A fé e devoção ao Santo Padroeiro de Cuiabá, o São Benedito, irá movimentar milhares de mato-grossenses essa semana. No dia 28 de junho terão início as celebrações da tradicional Festa de São Benedito da Igreja Nossa Senhora do Rosário e Capela São Benedito.

 

“A história de São Benedito se confunde com a da nossa querida Capital e caminha para completar 300 anos. Hoje, a festa venceu as barreiras da religião e se tornou um importante acontecimento cultural mato-grossense”, destaca a rainha da Festa de São Benedito, Cecília Fortes.

 

A programação segue até o dia 1º de julho com diversas atividades – entre elas, missas pela madrugada, procissões, apresentações culturais e feira gastronômica, que dispõe de comidas típicas regionais.

 
 
Avalie esta matéria: Gostei +2 | Não gostei

Leia mais sobre este assunto