Segunda-Feira, 18 de Junho de 2018, 16h:33

Tamanho do texto A - A+

Encontro estadual vai debater fortalecimento da Atenção Básica de saúde

Por: REDAÇÃO

Secretários municipais de Saúde vão participar nos dias 3 e 4 de julho, em Cuiabá, do Encontro Estadual para Fortalecimento da Atenção Básica. O evento será promovido pelo ministério da Saúde, que está realizando os encontros no país inteiro. O objetivo é construir coletivamente uma agenda de fortalecimento da Atenção Básica, identificando os principais desafios para torná-la resolutiva e capaz de ordenar a Rede de Atenção à Saúde.

 

Alan Cosme/HiperNoticias

neurilan fraga

 

O presidente da Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM), Neurilan Fraga, disse que é muito importante a participação dos secretários no evento para debater e esclarecer dúvidas com técnicos do ministério da Saúde. “A Atenção Básica é fundamental para os municípios, pois contempla ações de saúde que visam a prevenção, tratamento, reabilitação. Trata-se de um atendimento muito importante para toda a população e uma atribuição estratégica do poder público”, assinalou.

 

O Encontro vai debater vários assuntos, como a mudança com relação aos repasses do ministério da Saúde. A conta única para recebimento de recursos, criada recentemente pelos municípios, será um dos temas tratados. A conta era uma reivindicação antiga dos secretários de saúde, pois possibilita maior flexibilidade na aplicação dos recursos.

 

De acordo com o ministério da Saúde, a Atenção Básica é o primeiro nível de atenção em saúde e se caracteriza por um conjunto de ações, no âmbito individual e coletivo, que abrange a promoção e a proteção, a prevenção de agravos, o diagnóstico, o tratamento, a reabilitação, a redução de danos e a manutenção da saúde com o objetivo de desenvolver uma atenção integral que impacte positivamente nas coletividades. Este trabalho é realizado nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), nas Unidades Básicas de Saúde Fluviais, nas Unidades Odontológicas Móveis (UOM) e nas Academias de Saúde.

Avalie esta matéria: Gostei +1 | Não gostei

Leia mais sobre este assunto