Quarta-Feira, 13 de Setembro de 2017, 16h:05

Tamanho do texto A - A+

Aumento no preço da gasolina chega à bombas de Cuiabá e preço vai a quase R$ 4

Por: CAMILLA ZENI

Foi divulgado nesta terça-feira (12), pela Agência Nacional de Petróleo (ANP), que os preços da gasolina continuam a subir e já atingiram novo recorde. Conforme a perspectiva, o custo médio em todo o país é de R$3,85. Em Cuiabá, no entanto, as bombas de combustível superaram a expectativa, chegando a marcar R$3,97.

 

Reprodução

gasolina

 

A alta nas bombas é reflexo dos reajustes feitos pela Petrobras nos últimos dias, que também elevou preço do gás de cozinha. Na primeira semana de setembro, a estatal já havia estipulado aumento, que chegou a 11%. O novo preço repassado às refinarias nesta semana foi de mais 2,06%, atingindo marca recorde.

 

Em postos de Cuiabá, o valor do combustível ainda apresenta grande diferença, mas bombas ainda apresentam custo acima da média nacional. Na Avenida Fernando Corrêa da Costa, é possível abastecer por valores de R$3,92 a R$3,97. Na Avenida Miguel Sutil, as bombas marcam entre R$3,89 e R$3,98.

 

Diariamente, a empresa altera os valores do combustível com base na oscilação do mercado internacional. No entanto, a mudança nem sempre afeta os consumidores finais, já que fica a cargo das refinarias e distribuidores o repasse do aumento.

 

A instabilidade e elevação da bomba tem ligação com os furacões que atingiram parte dos Estados Unidos e Caribe na última semana, que afetaram a produção e exportação do petróleo, e surtiram efeito em todo o mercado internacional.

 

O preço da gasolina tem estado em alta desde a última semana de julho, quando, conforme a ANP, o custo médio nas bombas foi de R$3,74. Na semana anterior, de 22 de julho, o combustível chegou ao menor valor do ano, custando ao consumidor final R$3,46.  

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei

Leia mais sobre este assunto