Quarta-Feira, 07 de Março de 2018, 14h:45

Tamanho do texto A - A+

Consumo de carne bovina tem queda de 1,88% na segunda quinzena de fevereiro

Por: DÉBORA SIQUEIRA - ESPECIAL PARA O HIPERNOTÍCIAS

Reprodução

carne bovina

 

Entre os dias 14 de fevereiro e 29 de março de 2018 ocorre o período da quaresma e este tem como um dos seus costumes a abstenção ao consumo da carne. Pelo fato de o Brasil ter uma população predominantemente cristã, historicamente tal processo acaba gerando reflexos diretos no mercado cárneo, dificultando o escoamento da carne bovina nas gôndolas dos supermercados e consequentemente afetando o preço do boi gordo.

De acordo com o boletim semanal do Instituto Mato-grossense de Economia (Imea), as consequências da quaresma estão impactando os elos da cadeia pecuária de maneiras diferentes, visto que, enquanto o pecuarista observou uma valorização no boi gordo de 0,53% na comparação entre a segunda e a primeira quinzena de fevereiro, o atacado e o varejo notaram queda de 1,62% e 1,88% no mesmo período, respectivamente. “Esta movimentação inversa liga o sinal de alerta do produtor, visto que a pressão no varejo pode chegar ao pecuarista”, alertou o documento.

Peças como costela, coxão duro, contrafilé, picanha e maminha tiveram redução nos preços no varejo com queda de 9,39%, 4,30%, 4,39%, 6,14% e 1,32% no mês de fevereiro na comparação com janeiro deste ano.

Peixe Santo

Por outro lado, o consumo de pescado é tradicionalmente aquecido com a quaresma. Cerca de 100 vendedores estão cadastrados para comercializar peixe em 30 pontos de vendas em Cuiabá. A 27ª edição do Programa Peixe Santo tem como tema este ano “Xômano! Nosso peixe é digoreste, fresco e gostoso!”.  O programa será lançado oficialmente dia 26 de março, na Praça Alencastro.

Ficou estabelecido que o valor do quilo do pescado do projeto será R$ 19 para os peixes de couro (pintado); para os peixes redondos, como o pacu e a tambatinga o valor será de R$ 12,50 kg com espinhas. Já o peixe limpo e sem espinhas que vai custar R$ 14 kg. A comercialização será de 28 a 30 de março.

As inscrições para os interessados em trabalhar no período do “Peixe Santo” estarão abertas entre os dias 19 e 20 de março. 

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei